Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com gol de Héverton, Portuguesa bate Americana pelo Paulistão

Irritada com vontade do jogador de deixar o clube, torcida vaiou o meia, autor do gol da vitória em casa

AE |

selo

Héverton fez papel de herói e vilão nesta quarta-feira à noite. Vaiado desde o início da partida pela torcida, inconformada com a vontade do jogador de deixar o clube, o meia fez o gol da vitória da Portuguesa sobre o Americana, por 1 a 0, no Canindé. A partida foi válida pela sexta rodada do Campeonato Paulista.

O resultado, apesar de não selar a paz entre Héverton e a torcida, garantiu a recuperação da Portuguesa. Depois de derrotas para Ponte Preta e Palmeiras, ambas no Canindé, o time de Sérgio Guedes soma agora nove pontos, aproximando-se da zona de classificação à próxima fase.

Do outro lado, o Americana vê novamente sua arrancada ser freada por um time da capital. Depois de perder os 100% de aproveitamento para o São Paulo, há uma semana, a equipe de Edinho Nazareth sonhava em assumir a liderança, mas se contentará em manter os 12 pontos.

No primeiro tempo, a Portuguesa controlou a partida. Marcelo Cordeiro quase marcou aos 13 minutos, em chute de longa distância. O gol, porém, saiu somente aos 28. Héverton aproveitou cobrança de escanteio de Henrique e, de cabeça, desviou no canto esquerdo, sem chance para Jailson. Na comemoração, respondeu às vaias da torcida com provocação e aumentou ainda mais a fúria vinda das arquibancadas.

No segundo tempo, os dois times praticamente não geraram oportunidades de gol. O Americana apostou no atacante Jhon, mas só criou uma ocasião perigosa de gol, aos sete minutos, em chute de Luiz Felipe defendido por Weverton. A Portuguesa se fechou e garantiu o resultado.

Na próxima rodada, o Americana joga no sábado contra o Oeste, às 19h30, em Americana. A Portuguesa joga somente na quarta-feira, contra o Prudente, em Presidente Prudente.

 


Ficha Técnica - Portuguesa 1 x 0 Americana

 

Portuguesa - Weverton; Guilherme, Preto Costa, Domingos e Marcelo Cordeiro; Ferdinando, Ademir Sopa, Henrique (Rafael Silva) e Ivo (Ronaldo); Luís Ricardo e Héverton (Jaime). Técnico: Sérgio Guedes.

 

Americana - Jailson; Luís Felipe, Jorge Luiz, Júlio César e Hélton (Magal); Gercimar, Jackson, Marcinho (Kássio) e Fumagalli; Charles (Jhon) e Rafael Chorão. Técnico: Edinho Nazareth.

 

Gol - Héverton, aos 28 minutos do primeiro tempo.
Cartões amarelos - Marcelo Cordeiro, Guilherme (Portuguesa); Gercimar (Americana).
Árbitro - Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral.
Renda - R$ 16.845,00.
Público - 674 pagantes.
Local - Estádio do Canindé, em São Paulo (SP).

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG