Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com gol de brasileiro, Copenhague arranca empate com o Barça

A partida terminou em 1 a 1, com gols de Claudemir e Liones Messi

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861751541&_c_=MiGComponente_C

O Barcelona ficou em um empate com o Copenhague, nesta terça-feira. O jogo, realizado na Dinamarca, terminou em 1 a 1. Os gols foram marcados pelo brasileiro Claudemir e por Lionel Messi.

O Barça saiu na frente logo aos 30 minutos, mas minutos depois o Copenhague conseguiu empatar. Na última rodada, o time catalão havia vencido o mesmo Copenhague por 2 a 0, jogando na Espanha. O Barça está com oito pontos na competição, enquanto o adversário tem um a menos.

AP
Claudemir marcou o gol de empate do Copenhague contra o Barcelona


O jogo

O Copenhague foi quem começou a partida indo para cima, já que precisava do resultado. A equipe dinamarquesa assustou já no início do jogo. Aos dois minutos, o brasileiro Claudemir arriscou uma batida da intermediária com muita força e a bola acertou a forquilha do goleiro Victor Valdés, que já estava batido no lance.

Pouco tempo depois, o Barça mostrou sua superioridade técnica e chegou com facilidade, trocando muitos passes. Depois da bola passar pelo pé de quase todos os jogadores ofensivos da equipe catalã, Iniesta recebeu um grande passe de Xavi, mas, na hora da batida, preferiu passar para Keita e a bola não chegou ao jogador de Mali.

Uma jogada perigosa aconteceu aos 11 minutos. Ndoye aproveitou um chutão da defesa do Copenhague, ganhou no corpo de Puyol, mas foi parado por Valdés, que saiu da área, com o pé na altura do rosto de Ndoye, que caiu e foi a nocaute. Felizmente, ele pôde voltar a campo. O goleiro catalão sequer recebeu cartão amarelo e foi dada falta a favor do Barcelona.

O primeiro gol da partida só saiu aos 30 minutos de jogo. Keita recebeu lançamento e passou de cabeça para Villa, que não conseguiu dominar. A bola sobrou para Messi, que bateu na bola como podia, fazendo o primeiro do jogo, com o pé direito.

O Copenhague, porém, não se abateu e conseguiu o empate logo em seguida. No primeiro lance depois do gol do Barça, Valdés não conseguiu segurar um cruzamento e a bola sobrou para o brasileiro Claudemir, que bateu no contrapé do arqueiro, empatando o jogo. Assim como no gol de Messi, a bola ainda tocou na trave antes de entrar.

O segundo tempo continuou da mesma maneira que o primeiro, com os dois times atacando e buscando o gol. Com uma defesa forte, o Copenhague conseguia segurar o Barcelona e saia no contra-ataque, levando certo perigo.

Keita quase desempatou o duelo aos 16 minutos. Depois de uma boa jogada de Messi, a bola passou por Villa e chegou ao meio-campista, que bateu de canhota, mas a bola passou à esquerda do gol dos dinamarqueses.

Com uma defesa muito forte, o Copenhague conseguia chegar firme no ataque. Em um destes lances, a bola sobrou para Bolaños, que bateu firme, mas a bola foi para fora, aos 25 minutos. Em seguida, o Copenhague chegou a marcar com Ndoye, mas o atacante empurrou Abidal antes de cabecear para as redes e o gol foi anulado.

Em um último suspiro, Pedro fez grande jogada pelo Barcelona, conseguiu se livrar da marcação, mas acertou a trave em seu chute, já no finalzinho do jogo.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG