Muricy, Arouca, Jonathan, Durval, Elano e Léo já foram vice-campeões da competição continental

Além de entrarem para a história do Santos caso conquistem a Copa Libertadores da América, diante do Peñarol, do Uruguai, o título da competição continental servirá de redenção para seis personagens do elenco santista; Isso porque, o técnico Muricy Ramalho, o volante Arouca, o zagueiro Durval, o meia Elano e os laterais Jonathan e Léo, carregam no currículo a decepção de fracassos em uma final de Libertadores.

Desta forma, os cinco esperam superar o Peñarol nos dias 15 e 22 deste mês, e conquistarem pela primeira o título da competição continental. Muricy já disputou quatro edições pelo São Paulo – 2006, 2007, 2008 e 2009 – e não venceu nenhuma. Ele também disputou uma Libertadores em 2004, comandando o São Caetano, mas o fracasso na final aconteceu diante do Internacional em 2006.

Se não bastasse, o treinador abandonou o Fluminense ainda na primeira fase da Libertadores nesta temporada, sem conquistar uma vitória. Já Elano e Léo foram vice-campeões com a camisa do Santos. Os dois eram titulares da equipe que foi derrotada para o Boca Juniors, da Argentina, na decisão de 2003.

O primeiro santista a perder uma final de Libertadores foi o zagueiro Durval, vice-campeão com o Atlético-PR na derrota para o São Paulo em 2005. Já o volante Arouca chegou à decisão de 2008 pelo Fluminense, e viu a LDU, do Equador comemorar o título em pleno Maracanã.

“Estou muito feliz de ter outra oportunidade de disputar a final da Libertadores. Em 2008 pelo Fluminense, infelizmente perdemos nos pênaltis, acontece. Pecamos no primeiro jogo, serve de aprendizado. O primeiro jogo é super importante, não podemos vacilar, porque na volta temos que fazer o resultado. Lá fora, vai ser difícil, mas sem dar mole”, afirmou Arouca.

O lateral-direito Jonathan foi o último a chegar à final da competição sul-americana. O camisa 4 do Santos defendia o Cruzeiro que perdeu o título para o Estudiantes, da Argentina, em 2009, no Mineirão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.