Tamanho do texto

Bruno Mineiro, titular absoluto no ataque, está perdendo espaço, saindo inclusive vaiado pelo torcedor na Arena

Foram quatro meses desde sua contratação junto ao Cólon e, depois de sofrer críticas da torcida e ficar esquecido no banco, o Federico Nieto desencantou e marcou seu primeiro gol com a camisa do Atlético-PR, em um momento decisivo. O herói da vitória sobre o Palmeiras desabafou contra um torcedor impertinente atrás dos gols, mas não deixou de comemorar o feito.

"O primeiro gol é muito importante para continuar fazendo mais gols", projetou o jogador, que admite dificuldade para se adaptar ao futebol brasileiro. "Uma diferença muito grande entre o futebol do Brasil e da Argentina é a forma de jogar. O jogador precisa de um tempo para se adaptar".

Recuperado pelo técnico Sérgio Soares, que tem dado oportunidades, até pela falta de opção, a alguns renegados, Nieto pode até entrar na luta para ser titular diante do Flamengo, no final de semana, em Volta Redonda. Bruno Mineiro, titular absoluto no ataque, está perdendo espaço, saindo inclusive vaiado pelo torcedor na Arena.

    Leia tudo sobre: futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.