Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com desfalques no gol, Bragantino pega o Duque de Caxias

Time paulista ocupa a 18ª posição com 15 pontos ganhos, enquanto rival é lanterna absoluto com apenas quatro pontos

Gazeta |

Bragantino e Duque de Caxias, duas equipes em crise, se enfrentam nesta terça-feira, às 21h (de Brasília), no estádio Nabi Abi Chedid, na abertura da 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O time paulista ocupa a 18ª posição com 15 pontos ganhos, enquanto o rival é lanterna absoluto com apenas quatro pontos e sem ter conseguido uma vitória sequer.

O jogo adquire contornos mais dramáticos porque o Braga teve dois goleiros expulsos na derrota para o Icasa e vai recorrer ao terceiro da posição. Já o Duque está sem treinador, uma vez que Valdir Espinosa pediu demissão após a derrota para o Goiás. Paulo Campos deve assinar contrato nesta segunda-feira como substituto, mas apenas irá observar o time no interior paulista.

No Bragantino, o técnico Marcelo Veiga tem muitos problemas para escalar o time. Além dos goleiros Gilvan e Max que receberam cartão vermelho contra o Icasa, o volante Mineiro recebeu o terceiro cartão amarelo e o zagueiro Luiz Carlos sofreu uma fratura no braço.

Já os zagueiros André Astorga e Júnior Lopes deixaram a partida em Juazeiro se queixando de lesões, mas Veiga acredita que eles não devem preocupar. O atacante Luiz machucou a testa, mas também deve jogar, mesmo com proteção, pois o time já não conta com Luiz Mário e Deyvid Saconni, que ainda estão no departamento médico. Com tantos problemas, Marcelo Veiga só vai definir a equipe na hora da partida.

O Duque de Caxias será treinado pelo assistente Caco Espinosa, sobrinho de Valdir Espinosa, que pediu demissão depois de dirigir o time durante cinco partidas com quatro derrotas e um empate. Ele já havia substituído Alfredo Sampaio, primeiro treinador da equipe da Baixada Fluminense na competição.

Para esse jogo, Caco espera poder contar com o artilheiro Somália, que não enfrentou o Goiás por estar com um problema muscular. O goleiro Thiago Schmidt também deve voltar, porque seu substituto, Marcelo, não foi bem na íltima partida. De qualquer forma, o assistente té?cnico disse que só irá escalar a equipe momentos antes do jogo.

FICHA TÉCNICA
BRAGANTINO x DUQUE DE CAXIAS

Local: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Data: 2 de agosto de 2001, terça-feira
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: João Bosco da Nóbrega (PB)
Assistentes: Marcos Rogério e Pedro Martinelli (RS)

BRAGANTINO: Douglas; Júnior Lopes, André Astorga e Felipe; Luís Felipe, Felipe Moreira, Reinaldo, Lincom e Marcinho; Max e Otacílio Neto
Técnico: Marcelo Veiga

DUQUE DE CAXIAS: Thiago Schmidt (Marcelo); Everton Silva, Bruno Costa, Santiago e Jórbison; Léo, Leandro Teixeira, Thiaguinho e Tony; André Luiz e Somália (Galvão)
Técnico: Valdir Espinosa

Leia tudo sobre: bragantinosérie b 2011duque de caxias

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG