Meia deu uma assistência e marcou o gol de virada da vitória por 3 a 1 sobre o time parananese

A torcida do Botafogo levou um susto, mas deixou o estádio Engenhão feliz. O time carioca venceu o Coritiba de virada, por 3 a 1, neste domingo. Os visitantes abriram o placar com Bill, logo no primeiro minuto de jogo, mas ainda na primeira etapa, Maicosuel e Elkeson marcaram para a virada do Botafogo.

null

Melhor no primeiro tempo, o time foi pressionado na segunda etapa, mas a expulsão do zagueiro Emerson ajudou a garantir a vitória. O atacante Alex ainda marcou no final e fechou o placar. Com a vitória, o Botafogo sobe para a quinta colocação, com sete pontos em quatro jogos. Já o time paranaense perde duas posições e fica na 16ª posição da tabela.

Na próxima rodada o Botafogo fará o clássico carioca contra o Flamengo, no estádio Engenhão, às 18h30, no domingo. Mesmo jogando em casa, o Botafogo será visitante, já que o mando de campo é do rival. Na mesma data e horário, o Coritiba recebe o Internacional no estádio Couto Pereira, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

O Jogo
O Coritiba começou a partida pressionando o Botafogo, mostrando que não sentiu a derrota na final da Copa do Brasil para o Vasco, na última quarta-feira. O time da casa mal teve tempo de passar do meio-campo quando sofreu o primeiro gol. Everton Ribeiro recebeu na esquerda, avançou e levantou para a área. A defesa do Botafogo falhou e apenas assistiu o atacante Bill cabecear sem chances para o goleiro Jefferson.

O gol sofrido tão cedo fez com que a torcida perdesse a paciência logo no início da partida. O Botafogo errava passes simples e as vaias aumentavam no Engenhão. O principal alvo da torcida era o lateral-direito Alessandro, que era xingado sempre que tocava na bola.

Veja fotos da vitória do Botafogo contra o Coritiba

Botafogo melhora e empata
O time da casa levou algum tempo para assimilar o gol, mas foi recuperando o domínio da partida. Aos 15 minutos, a primeira chance de perigo do Botafogo. Alessandro avançou pela lateral e cruzou rasteiro para a área. Herrera dividiu com o zagueiro Emerson, caiu, levantou e chutou forte, mas a bola bateu na rede pelo lado de fora.

Se Herrera não foi feliz na primeira chance de perigo do Botafogo, na segunda, um minuto depois, o time carioca encontrou o empate. Elkeson roubou a bola, carregou pelo meio e deu lindo passe para Maicosuel. O meia invadiu a área e chutou cruzado, sem chance para o goleiro do Coritiba.

Empolgado com o bom momento, o Botafogo quase virou o placar na sequência. Maicosuel avançou pela direita e cruzou para a área. A zaga do Coritiba afastou, mas na sobra, Everton girou batendo forte, exigindo grande defesa de Édson Bastos, que se esticou todo para evitar o gol.

Elkeson comanda virada
O gol de empate fez com que o Botafogo passasse a dominar a partida. Comandado principalmente pelo meia Elkeson, que criava as principais chances de perigo, o Botafogo perdia chances de virar o placar. Aos 28 minutos, Herrera puxou contra-ataque e tocou para Alessandro na direita. O lateral cruzou rasteiro para a área e o próprio Herrera, que pegou mal na bola. Marcelo Mattos ainda tentou aproveitar a sobra, mas não conseguiu marcar.

De tanto sufocar o Coritiba na defesa, o Botafogo conseguiu a virada.Herrera sofreu falta na esquerda, na lateral da grande área. Elkeson, melhor jogador do Botafogo na partida, cobrou direto, a bola raspou na zaga e entrou no ângulo direito do gol de Édson Bastos. No final do primeiro tempo o Coritiba ainda teve a chance empatar, em um rebote de Jefferson que Everton Ribeiro mandou para fora.

Coritiba volta melhor, mas Botafogo segura vitória
Mesmo em desvantagem no placar, o Coritiba voltou sem alterações para o segundo tempo, assim como o time da casa. Com mais posse de bola, o time paranaense era mais perigoso. Aos sete minutos, Rafinha recebeu no meio e soltou a bomba, fazendo a bola raspar a trave direita do gol do Botafogo. Sem conseguir transformar o domínio em vantagem, o técnico Marcelo Oliveira fez duas mudanças, tirando o lateral-esquerdo Lucas Mendes e o meia David para a entrada de Eltinho e Geraldo, respectivamente.

O Coritiba nem teve tempo de testar as modificações. Aos 18 minutos do segundo tempo, o zagueiro Emerson entrou com o pé no rosto do volante Lucas Zen em uma dividida e foi expulso pelo árbitro Francisco Carlos Nascimento.

No final, o Coritiba pressionou e teve até uma bola na trave, com o meia Geraldo. Porém, quem marcou foi o Botafogo, com Alex. Num rápido contra-ataque, o jogador driblou a zaga e chutou forte para fechar o placar e garantir a segunda vitória do Botafogo em casa.

FICHA TÉCNICA - BOTAFOGO 3 X 1 CORITIBA

Local : Estádio Olímpico João Havelange, o 'Engenhão', no Rio de Janeiro (RJ)
Data : 12/06/2011, Sábado
Horário : 18h30 (de Brasília)
Árbitro : Francisco Carlos Nascimento (AL)
Assistentes : Erich Bandeira (Fifa-PE) e Carlos Titara da Rocha (AL)
Cartões amarelos : Herrera e Marcelo Mattos (BOT); Léo Gago e Rafinha (COR)
Cartão vermelho : Emerson (COR)

GOLS
BOTAFOGO - Maicosuel, aos 16 e Elkeson, aos 38 minutos do primeiro tempo; Alex, aos 48 minutos do segundo tempo
CORITIBA - Bill, ao 1º minuto do primeiro tempo

BOTAFOGO : Jefferson; Alessandro, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos, Lucas Zen, Everton (Cidinho) e Maicosuel (Caio); Elkeson e Herrera (Alex)
Técnico : Caio Júnior

CORITIBA : Edson Bastos; Jonas, Jeci, Emerson e Lucas Mendes (Eltinho); Léo Gago (Tcheco), Willian, Rafinha e Davi (Geraldo); Everton Ribeiro e Bill
Técnico : Marcelo Oliveira

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.