Santista teve números que chegaram perto do que o time inteiro rival fez na primeira decisão do Paulista

Marcado pelo corintiano Jorge Henrique, Neymar conduz a bola
Gazeta
Marcado pelo corintiano Jorge Henrique, Neymar conduz a bola
Neymar foi o Neymar de sempre. Na primeira partida da final do Campeonato Paulista , o atacante teve médias semelhantes das que apresentou durante toda a competição pelo Santos  - mas que serviram para se destacar sobre o Corinthians . Os números são do Footstats e estão disponíveis no aplicativo iG Esporte para iPhone e iPad.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

Com Ganso machucado no final do primeiro tempo , o camisa 11 chamou a responsabilidade e finalizou corretamente, por exemplo, quase tanto quando o time inteiro rival (3 a 5). O jogo terminou 0 a 0 e o título será definido domingo que vem (15 de maio), na Vila Belmiro. Quem ganhar leva e novo empate decide o campeão nos pênaltis.

Sozinho, Neymar driblou quase metade do que todo o time corintiano fez, cruzou bolas com a mesma freqüência do rival e apanhou: foi quem mais sofreu faltas no jogo, quatro, ou 30% de todas que o Corinthians cometeu (veja quadro abaixo).

Comparação Finalizações certas Dribles Cruzamentos certos Faltas
 Neymar 3 6 4 4 sofridas
Corinthians 5 15 6 14 cometidas


O curioso é que o jogador santista se destacou com desempenho similar ao que teve no restante da competição. Veja abaixo as médias do jogador durante a competição comparado com o que fez no Pacaembu neste domingo:

Neymar Finalização Dribles Posse de bola Passes certos Faltas recebidas
No primeiro jogo da final 3 6 2min 22 4
Média no Paulista 2 5,5 1min54 28 5

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.