Atacante diz que está melhorando no Palmeiras e diz que não sabe o motivo do péssimo 2º turno

Mesmo sem atuar com frequência e com apenas um gol marcado, Ricardo Bueno acha que está em uma crescente no Palmeiras . Dizendo que não entende o péssimo 2º turno de Campeonato Brasileiro de sua equipe, o camisa 9 afirma que está empolgado para voltar a campo e continuar a jogar cada vez melhor.

Veja a classificação do Brasileirão: Palmeiras está a nove pontos do Z-4

O atleta tem apenas dois jogos como titular e teve participação em outros oito encontros saindo do banco de reservas. Ele marcou seu primeiro gol na derrota diante do Figueirense , no Canindé. Logo depois, nem foi relacionado para enfrentar o Atlético-MG por questões contratuais.

“Sim, me vejo em uma crescente. Mesmo antes do gol, eu vinha fazendo boas partidas. Mas depois desse gol, claro que tira o peso, mesmo porque o atacante tem que fazer gol e concluir para fazer cada vez mais”, disse Bueno. “Eu queria jogar para ajudar o clube, mas logo no início da semana, o Felipão já tinha me dito que eu não enfrentaria o Atlético-MG”, completou.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

 O próximo adversário do Palmeiras é o Coritiba, na Arena Barueri, às 18h deste domingo. O camisa 9 espera já estar em campo para voltar a balançar as redes e tentar tirar o time de vez dessa situação que o coloca como candidato a rebaixamento.

Veja também: Grêmio espera até sexta por resposta do Palmeiras sobre Kleber

“É difícil arrumar uma explicação. Às vezes, a gente sai de um lado e fala que é desculpa, sai do outro, e também falma que é desculpa. Só trabalhando para reverter essa situação. É duro, porque a gente pensava em título, em Libertadores e, agora, há um mês ouve criticas e parte da torcida e da imprensa não sabe como é o Brasileiro, que é muito complicado. Temos que trabalhar e vencer”, finalizou. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.