Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Com Adriano no time titular, Roma cede empate ao Chievo

Atacante jogou os 90 minutos e viu o compatriota Fabio Simplicio marcar duas vezes pata o time da capital italiana

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237854604777&_c_=MiGComponente_C

A Roma perdeu uma preciosa oportunidade de se aproximar das principais colocações do Campeonato Italiano. Neste sábado, o time da capital italiana chegou a abrir dois gols de vantagem na etapa inicial, porém caiu de produção nos 45 minutos finais e deixou o gramado do estádio Marcantonio Bentegodi com um gosto amargo no empate por 2 a 2 com o Chievo.

Enquanto jogou bom futebol, a Roma teve Fábio Simplício como a grande estrela. Ele marcou duas vezes na etapa inicial, aos 26 e 44 minutos. Aliás, os tentos do meio-campista ofuscaram a presença de Adriano entre os titulares. Sem ritmo, o Imperador novamente não teve grande brilho em sua atuação - apenas deu um passe lateral no início da jogada do segundo gol.

Na classificação, a Roma alcança 23 pontos e continua na sétima colocação. O Chievo encontra-se um pouco atrás no torneio nacional: é o nono, com 20. Na próxima rodada do Campeonato Italiano, no próximo final de semana, a Roma enfrenta o Bari, no estádio Olímpico. O Chievo, em compensação, mede forças com o Lecce fora de casa.

Em função das baixas temperaturas e da umidade, o gramado do estádio Marcantonio Bentegodi apresentava-se em péssimo estado. A Roma encontrou uma alternativa no início: arriscar chutes de longa distância.

Pressionado pelo técnico Claudio Ranieri, Adriano foi escalado como titular e tentou mostrar serviço. O Imperador apostou em dois arremates de fora da área e mandou longe.

AP
Atacante Adriano começou como titular e jogou a partida toda


A inspiração no primeiro tempo ficou com outro brasileiro. Aos 26 minutos, Fábio Simplício aproveitou rebote e colocou a Roma na frente. O gol diminuiu a timidez do Chievo, mas ainda era pouco para mudar o panorama em campo.

Antes do intervalo, a situação dos donos da casa piorou. Em jogada que começou com o passe lateral de Adriano, Cassetti caprichou no cruzamento e encontrou Fábio Simplício dentro da área. A finalização do meio-campista desviou na trave e superou a linha por poucos centímetros.

No segundo tempo, o Chievo adotou uma postura mais agressiva e começou a incomodar. O gol dos donos da casa, aos 16 minutos, foi fruto de uma falha do goleiro Julio Sérgio. Moscardeli arriscou de longe e viu a bola tocar no campo antes de enganar o arqueiro.

A Roma não tinha a mesma força e acabou castigada com o gol de empate de Granoche, aos 38 minutos. No fim, os visitantes ainda amargaram a expulsão do experiente De Rossi.

Leia tudo sobre: futebol internacionalitaliano 2010itália

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG