Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Colômbia bate Costa Rica na estreia da Copa América

Placar de 1 a 0 dá a liderança do Grupo A aos colombianos, à frente da Argentina

Gazeta |

Atuando por mais de uma hora com um jogador a mais, a Colômbia conseguiu vencer a Costa Rica, na estreia das equipes nesta Copa América, por 1 a 0. O gol aconteceu ainda no primeiro tempo, marcado por Ádrian Ramos.

Com o resultado, a seleção colombiana assume a ponta do Grupo A, com três pontos. Argentina e Bolívia não saíram do empate na sexta-feira, e ficaram com apenas um ponto. A Costa Rica, por sua vez, está na lanterna.

AP
Brenes é expulso e facilita a vida da Colômbia

Na próxima quarta, a Colômbia enfrentará a anfitriã Argentina, em Santa Fé, enquanto Costa Rica e Bolívia tentarão a primeira vitória, na quinta-feira, em San Salvador de Jujuy.

O Jogo

A seleção costarriquenha começou a partida atuando de forma defensiva, tentando levar perigo nos contra-ataques. Porém, a Colômbia pressionava e não dava oportunidades para o contra-golpe.

Assim, aos 11 minutos, a seleção colombiana criou a primeira oportunidade do jogo, com a dupla do Porto: Falcao García e Guarín. O centroavante ajeitou e o meia bateu forte, para boa defesa do goleiro Moreira. No minuto seguinte, Ramos também chutou forte, e obrigou o goleiro costarriquenho a fazer nova intervenção.

A Costa Rica não representava perigo à seleção campeã da Copa América em 2001. A tarefa costarriquenha ficou ainda mais complicada aos 27 minutos, quando Brenes entrou de carrinho em Perea e foi expulso.

Com a vantagem numérica, a seleção colombiana passou a tocar a bola, tentado de achar uma brecha para invadir a área costarriquenha. Aos 37, Falcao García esteve próximo de abrir o placar.

Aos 44, a Colômbia conseguiu finalmente furar o bloqueio costarriquenho. Adrián Ramos recebeu bom lançamento e invadiu a área já limpando Moreira. Assim, o atacante teve apenas o trabalho de empurrar para as redes, abrindo o placar na Argentina.

Na segunda etapa, o panorama da partida seguia da mesma forma: a Colômbia detinha a posse de bola, e controlava o ritmo do jogo. Aos oito minutos, Rodallega, que entrara ainda no primeiro tempo, recebeu pelo lado esquerdo e bateu forte de longa distância. Moreira, novamente, esticou-se para colocar a bola para escanteio. Dois minutos depois, após escanteio cobrado por Guarín, Falcao desviou de cabeça, mas a bola acertou o travessão.

Sem força ofensiva, a Costa Rica conseguiu levar perigo apenas em uma cobrança de falta. Gúzman cobrou pelo lado direito, e a bola raspou a rede pelo lado de fora, assustando o goleiro Martínez, que apenas acompanhou a jogada.

Por não ser incomodada, a seleção colombiana se dava o direito de manter a posse de bola e não gerar oportunidades de perigo. Assim, a partir da metade do segundo tempo, o ritmo do jogo diminuiu, e a Colômbia apenas administrou até o final da partida, para assegurar o triunfo em sua estreia na Copa América.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG