Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Clube inglês desconhecido oficializa desejo de usar Estádio Olímpico

Pequeno Leyton Orient, da terceira divisão inglesa, entra na concorrência com Tottenham e West Ham para gerir estádio após 2012

AE |

selo

O desconhecido clube Leyton Orient, da terceira divisão do futebol inglês, oficializou nesta terça-feira o interesse de administrar o Estádio Olímpico de Londres após as Olimpíadas de 2012 . O presidente do time, Barry Hearn, informou que enviou um documento para a Football League (entidade que organiza divisões inferiores do Campeonato Inglês) requerendo entrar no processo de licitação.

Para assegurar que o estádio será utilizado por ele após a Olimpíada, o Leyton Orient precisará vencer a concorrência com o West Ham. O clube londrino chegou a garantir um acordo para utilizar o estádio após os Jogos Olímpicos, mas o mesmo acabou cancelado na última semana , sob a explicação de que houve um "paralisia jurídica".

Um novo processo de licitação será realizado. O estádio deverá ser mantido sob poder público e alocado por algum desses clubes. O Tottenham também apareceu como candidato a controlá-lo, mas perdeu a disputa na primeira fase do processo de licitação.

Hearn declarou que confia que a decisão não voltará a beneficiar o West Ham, após este ter perdido a oportunidade de ganhar o direito de administrar o estádio no processo anterior. De acordo com ele, a intenção do Leyton Orient é transformar a capacidade do estádio, que custou 486 milhões de libras, de 80 mil para 25 mil lugares.

Em meio à briga para ficar com o Estádio Olímpico, o Tottenham acionou a justiça contra uma decisão das autoridades locais de fornecerem um empréstimo de 40 milhões de libras ao West Ham para realizar futuras mudanças no estádio. O Leyton Orient também foi contra a decisão, questionando, assim como o Tottenham, o uso de dinheiro público no acordo com o West Ham.

AP
Previsão de como vai ficar o Estádio Olímpico de Londres para os Jogos Olímpicos de 2012

Leia tudo sobre: NACIONALESPORTES

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG