Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Clássico antes de estreia na Libertadores já preocupa Corinthians

Equipe de Tite joga contra o São Paulo três dias antes de longa viagem para a Venezuela

Bruno Winckler, iG São Paulo |

O Corinthians ainda está no segundo dia de treinos nesta pré-temporada, mas já começou a se preocupar com a sequência de jogos que antecedem a estreia da equipe na Libertadores, dia 15 de fevereiro, contra o Deportivo Táchira, na Venezuela. No dia 12, três dias antes, o Corinthians tem um clássico contra o São Paulo no Pacaembu pela sétima rodada do Campeonato Paulista.

Gazeta Press
Castán já pensa no clássico contra o São Paulo antes da estreia na Libertadores

"Já tem um clássico no dia 12 e depois a gente já viaja para a Venezuela. Então é importante que todo mundo esteja preparado. Quem chegar vai ajudar muito a gente. São muitos jogos importantes e ter elenco é importante para momentos como esse", disse o zagueiro Leandro Castán.

Diferente de 2011, quando o Corinthians teve apenas 20 dias antes da estreia da equipe na Libertadores contra o Tolima e antes disso fez três jogos pelo Campeonato Paulista, neste ano os jogadores terão alguns dias a mais de treino e um elenco mais recheado e sem perdas significativas antes de estrear na competição. Por isso, eles acreditam que poderão ter bom desempenho tanto no clássico contra o São Paulo como no jogo contra Táchira.

"Temos que pensar passo a passo. Primeiro na pré-temporada. A gente sabe da importância da  Libertadores e dos jogos difíceis que vamos ter e por isso a diretoria está montando um grupo qualificado. O Tite vai saber montar um time tanto para pegar o São Paulo como para estreia Libertadores. O importante é que esteja todo mundo bem para os dois jogos", disse o atacante Willian.

Em 2011, o Corinthians optou por jogar com um time reserva contra o São Bernardo, no último jogo antes da partida de volta contra o Tolima na Colômbia. Porém, desta vez, não é ideia poupar ninguém já que o Corinthians defenderá um tabu de três anos contra o São Paulo no Pacaembu, com cinco vitórias em cinco jogos.

Leia tudo sobre: corinthianslibertadores 2012são pauloclássico

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG