Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

City põe domínio e liderança à prova no 'Boxing Day' da Inglaterra

Rodada é disputada na data em que os empregados recebem uma caixa presentes dos patrões e é tradicional na Inglaterra

EFE |

Tradicionalmente conhecido como 'Boxing Day', por ser a data em que os empregados recebem em uma caixa presentes dados pelos patrões, o dia 26 de dezembro também é marcado no Reino Unido por ter uma rodada do Campeonato Inglês, e a desta segunda-feira terá como destaque mais uma tentativa do Manchester City de se manter no topo.

Veja também: City bate Stoke e segue na ponta do Inglês. United goleia e segue na cola

Sete das dez partidas da 18ª rodada serão disputados nesta data, que os torcedores aproveitam para comparecer em família aos estádios. Seriam oito duelos no total nesta segunda-feira, mas a partida entre Arsenal e Wolverhampton, no estádio Emirates, teve que ser adiada em um dia por conta da greve do metrô que aconteceu em Londres.

AP
Manchester City tenta se livrar da ameaça do United na liderança do Inglês
Com 44 pontos, dois a mais que o Manchester United, segundo colocado, os 'Citizens' não têm margem para erro e irão ao estádio The Hawthorns pressionador a derrotar o West Bromwich, décimo colocado e que venceu apenas dois jogos como mandantes.

Confira ainda: Chelsea veta manifestação dos jogadores em apoio a John Terry

Já os 'Diabos Vermelhos' jogarão em casa, o que torna sua missão um pouco mais fácil. A equipe do técnico Alex Ferguson buscará a quinta vitória consecutiva e para isso contará com um retrospecto amplamente favorável: até hoje, o United nunca empatou nem perdeu para o adversário desta segunda.

O 'Boxing Day' será aberto com o confronto entre Chelsea e Fulham, nos Stamford Bridge. Os 'Blues' vêm de dois empates, que os fizeram perder contato com os líderes, e estão na quarta posição, com 33 pontos. O técnico André Villas-Boas não poderá contar com o meia Ramires, suspenso por conta do cartão amarelo que recebeu no empate com o Tottenham, na quinta-feira, enquanto o zagueiro David Luiz ainda não está 100% recuperado de um problema no joelho e é dúvida.

Confira também: Ferguson esnoba pressão e diz que Manchester não vai às compras

Entre os times de Manchester e o Chelsea estão justamente os 'Spurs', que têm 35 pontos e tentam terminar o ano no "top 3" pela primeira vez desde 1984. Para isso, uma vitória na visita ao Norwich, marcada para terça-feira, será fundamental. Quinto colocado, com um ponto a menos que o Tottenham, o Arsenal enfrentará o Wolves e apostará nos gols de Van Persie, artilheiro do campeonato, com 17 gols.

No entanto, o atacante que vem dominando o noticiário dos 'Gunners' é outro, o ídolo Thierry Henry, que poderia retornar ao clube por empréstimo de dois meses, de janeiro a março, período em que a MLS, em que o francês defende o New York Red Bulls, estará de recesso.

O Liverpool, por sua vez, aparece em sexto, com 30 pontos, e quer se recuperar do tropeço com o Wigan na rodada passada, em que empatou sem gols, com uma vitória sobre o lanterna Blackburn, no Anfield Road.
Getty Images
Manchester United jogará em casa terá ajuda da torcida na rodada pós-Natal

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG