Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

City bate líder Bayern, mas Napoli supera Villarreal e avança

Time inglês vence time reserva do Bayern, mas não consegue se classificar para as oitavas

Gazeta |

Getty Images
Tymoshcuk pressiona Yaya Toure durante o confronto entre Bayern de Munique e Manchester City
O Manchester City cumpriu a tarefa que lhe cabia na última rodada da fase de grupos, mas acabou eliminado da Liga dos Campeões da Europa nesta quarta-feira. Em casa, a equipe inglesa bateu o líder Bayern de Munique por 2 a 0, mas quem garantiu a segunda vaga foi o Napoli, que venceu o lanterna Villarreal também por 2 a 0, na Espanha.

Leia mais: Basel surpreende o Manchester United e elimina o time inglês

O Grupo A termina com o Bayern de Munique na ponta, com 13 pontos, dois a mais que o Napoli. Já o decepcionante Manchester City se despede com dez pontos conquistados, enquanto o Villarreal do brasileiro Nilmar não somou nenhum. Os confrontos da próxima fase serão definidos por sorteio.

Os gols que frustraram o City saíram no segundo tempo. Depois de 45 minutos de poucas emoções, o Napoli voltou para o segundo tempo disposto a se classificar utilizando apenas suas forças contra um Villarreal desmotivado. Aos 20 minutos, Inler abriu o marcador e tranquilizou o time italiano, que ampliaria com Hamsik, 11 minutos depois.

City vence, mas não avança
Precisando da vitória para se classificar, o Manchester City se postou como um bom mandante e partiu ao ataque. Aos 15 minutos, as redes balançaram em cobrança de falta de Silva pela direita, mas a arbitragem assinalou falta de Lescott no meio do caminho e anulou a jogada.

O lance diminuiu a temperatura da partida. Apesar de dominar a posse de bola, o time da casa criava pouco. Mas o inspirado Silva apareceu para marcar mais um gol - dessa vez válido - aos 36 minutos de bola rolando, em chute forte da entrada da área. Era o que o City precisava para controlar de vez as ações.

A vitória foi praticamente sacramentada logo aos seis minutos do segundo tempo, quando Touré recebeu de Dzeko e tocou na saída do goleiro Butt para marcar um bonito gol e acabar de vez com a motivação dos alemães, que entraram em campo já classificados.

Até aquele momento, Villarreal e Napoli empatavam sem gols na Espanha e a festa do Manchester City estava completa. No entanto, o gols que deram a vitória aos italianos invalidaram o triunfo inglês, que acabaram eliminados precocemente e deram seus últimos suspiros na Champions sem proporcionar grandes emoções.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG