Atacante diz que saída de Conca vai deixar uma lacuna grande e espera um dia ter o mesmo reconhecimento

Se nas duas primeiras partidas pelo Fluminense Ciro teve atuações apagadas e quase não foi notado em campo, contra o Atlético-PR , o atacante fez seus dois primeiros gols com a camisa tricolor e foi o grande destaque na vitória por 3 a 1 , no jogo que marcou a despedida de Conca . Triste com a venda do ex-companheiro, o jogador reconhece que a saída do argentino vai deixar uma lacuna muito grande no clube, mas mostra humildade e diz que ainda é cedo para assumir a condição de ídolo no coração dos torcedores.

“Ídolo é uma palavra muito forte e isso está muito longe de acontecer. Cada jogo eu vou procurar me dedicar ao máximo ao Fluminense para quem sabe um dia ser merecedor desses status no clube”, disse o jogador.

Entre para a Torcida Virtual do Fluminense e convide seus amigos

A condição de ídolo pode até demorar alguns anos para se consolidar, porém, Ciro já percebeu o quanto o carinho do torcedor aumentou após os dois gols marcados na sétima rodada do Brasileirão.

“O carinho aumentou um pouco sim, mas a responsabilidade também. Eu prefiro não ficar ouvindo as pessoas me elogiando para não perder o foco no meu trabalho. Mas vou fazer de tudo para continuar fazendo gols e ajudar o Fluminense a vencer”, afirmou.

Apesar de só ter jogado pelo Sport antes de chegar às Laranjeiras, Ciro disse que já ouviu muito falar sobre a rivalidade e a tradição que envolve um Fla -Flu. Porém, aparentando uma tranquilidade, exagerada para um estreante, o atacante deu a entender em sua resposta de que não conhece tão bem a história do clássico mais charmoso do país.

“É um clássico, mas estou tranquilo. É um jogo normal e eu estou pronto para assumir essa responsabilidade”, assegurou o jogador, sem saber que de tranquilo um Fla-Flu não tem nada.

Siga o iG Fluminense no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Embora ainda não tenha ouvido de Abel a confirmação de que começará o Fla-Flu entre os titulares, Ciro torce para que seja o escolhido ao lado de Rafael Moura .

“Eu estou pronto para entrar desde o início ou ajudar a equipe durante a partida. Isso caberá ao Abel decidir. Mas a volta do Rafael Moura será muito importante, pois ele é um homem de área e tem características que combinam com meu o jogo”, explicou o atacante.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.