Lateral afirma que seria escolhido por Mano Menezes se apenas jogadores do país fossem chamados

Cicinho vive uma boa fase no Palmeiras . Depois de uma excelente partida diante do Avaí, o lateral direito já começa a pensar até em seleção brasileira. O camisa 2, aliás, afirma que já estaria em uma lista caso os convocados fossem só dos que atuam no Brasil.

Colocando Daniel Alves e Maicon em outro nível, o jogador também comemora a boa fase vivida no Palmeiras e agradece muito a Felipão e Murtosa pela evolução desde que chegou, no início do ano.

Siga o Twitter do iG Palmeiras e receba as notícias do seu time em tempo real

“Eu estou trabalhando e penso primeiro no Palmeiras. A seleção vai vir na sequência, depois de um bom trabalho. Agora tem Daniel Alves e Maicon, né? Indiscutível. Até brinco com o pessoal que se tiver uma convocação só de jogadores que estão no Brasil, eu vou estar dentro. Se aparecer a oportunidade, quero estar lá!”, disse Cicinho, para depois elogiar Felipão e Murtosa.

“A minha evolução aconteceu por causa da vontade, do Felipão e do Murtosa. Sem os dois aí me aconselhando, não seria o mesmo. No último coletivo, eles me chamaram, me deram umas explicações, eu acatei e deu certo. É só obedecer, fazer o que eu sei e unir a experiência deles. Com isso, eu só vou crescer”, completou Cicinho.

Conheça o aplicativo Torcida Virtual e coloque seu time em 1º no ranking

Nesta terça-feira, a exemplo dos outros titulares, Cicinho apenas treinou na musculação e fez recuperação muscular, já pensando no jogo contra o Ceará, no próximo domingo. Os reserva enfrentaram o São Bernardo em um amistoso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.