Zagueiro e atacante ainda não estão garantidos entre relacionados para a partida contra o Mirassol

O zagueiro Chicão e o atacante Jorge Henrique continuam sendo as dúvidas de Tite para escalar o Corinthians para a partida contra o Mirassol, domingo, fora de casa, pela 13ª rodada do Paulistão.

Ambos estão liberados pelo departamento médico, mas ainda precisam readquirir ritmo de jogo. "Os dois estão liberados dos trabalhos clínicos. Na parte médica estão ok, agora é com a parte de preparação física e fisioterapia", disse o médico Júlio Stancatti.

Chicão treinou normalmente nesta quinta-feira com os jogadores que não atuaram na partida contra a Ponte Preta, na quarta-feira e não mostrou nenhum desconforto na coxa direita. O zagueiro voltou a treinar com bola na última sexta-feira e na terça disputou o rachão, tradicional nas vésperas das partidas. O zagueiro não joga desde 17 de fevereiro e tinha previsão de retorno 20 dias após a detectada a lesão.

Jorge Henrique, que não jogou as duas últimas partidas contra Linense e Ponte Preta, também disputou o rachão na prévia da partida contra a Ponte Preta. E de acordo com Stancatti, tem além de uma problema na coxa direita, dores no joelho da mesma perna. "Ele precisa de um pouco menos de treinos de intensidade, mas está liberado do departamento médico. Se ele joga ou não no domingo depende de como ele vai se comportar nos treinos a partir de amanhã (sexta-feira)", disse.

Tanto Chicão como Jorge Henrique devem treinar entre os titulares nesta sexta. Os jogadores que atuaram por mais de um tempo contra a Ponte não foram a campo nesta quinta.

O Corinthians tem 25 pontos e é um dos líderes do Paulistão ao lado de Santos e Palmeiras, que têm a mesma pontuação. O São Paulo, que joga nesta quinta, também pode chegar ao mesmo número se vencer o Ituano no Morumbi.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.