Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Chegada de Renteria pode “ressuscitar” três atacantes no Santos

Muricy escalou o time com três atacantes em apenas seis oportunidades, mas teve setor reforçado

Samir Carvalho, iG Santos |

Com a chegada de Renteria, apresentado como novo reforço na última quarta-feira, no CT Rei Pelé, o Santos pode voltar a atuar com três atacantes, esquema de sucesso em 2010, quando Neymar , Robinho e André encantaram com o país. Desta forma, o colombiano brigará por uma posição com Alan Kardec , já que Neymar e Borges são titulares absolutos.

AE
Borges e Neymar, dupla de ataque da seleção na últims quarta-feira, são titulares absolutos no Santos

“Os jogadores sempre chegam em um time para jogar, mas tem uma concorrência boa aqui. Vou fazer a minha parte, jogar bem para ajudar a equipe”, afirmou Renteria.

Muricy tem motivos para escalar o time mais ofensivo. Além de contar com dois atacantes que defendem a seleção brasileira, o treinador confia em Renteria desde 2005, quando trabalharam juntos no Internacional-RS. Se não bastasse, Alan Kardec aproveitou bem as oportunidades na equipe titular e fez bons jogos com a camisa santista nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro.

“Não tive a oportunidade de falar com ele (Muricy), mas ele já me conhece, sabe a minha qualidade, como posso jogar e render. Então, por isso, não estou preocupado. Somente em estar bem preparado, focado, para o dia que me chamar”, disse o colombiano.

Siga o Twitter do iG Santos e receba as notícias do time em tempo real

Além da eficiência dos atacantes, Muricy encara a fase ruim dos jogadores de meio-campo. Ibson foi contratado por R$ 9 milhões e não justificou a contratação. Ganso e Elano sofrem com lesões musculares. Henrique não conseguiu reeditar o futebol apresentado no Cruzeiro.

Apenas Arouca é incontestado no setor, já que Muricy sempre opta pela saída do volante Adriano da equipe titular.

O esquema com três atacantes não é o preferido de Muricy Ramalho. Desde que assumiu o time, o treinador escalou a equipe no esquema 4-3-3 em apenas seis oportunidades: contra o Americana (Campeonato Paulista), Palmeiras, Avaí, Cruzeiro, Corinthians e América-MG (Brasileiro). O retrospecto foi favorável. Foram quatro vitórias, um empate e uma derrota.

Confira os jogos do Santos com três atacantes sob o comando de Muricy

21/09 – América/MG 1 x 2 Santos – Parque do Sabiá (Neymar, Alan Kardec e Borges)
18/09 – Corinthians 1 x 3 Santos – Pacaembu (Neymar, Alan Kardec e Borges)
10/09 – Santos 1 x 0 Cruzeiro – Vila Belmiro (Neymar, Alan Kardec e Borges)
07/09 – Avaí 1 x 2 Santos – Ressacada (Neymar, Alan Kardec e Borges)
10/07 – Palmeiras 3 x 0 Santos – Pacaembu (Richely, Diogo e Borges)
10/04 – Americana 0 x 0 Santos – Décio Vitta (Maikon Leite, Neymar e Zé Eduardo)

  Entre para a Torcida Virtual do Santos e comente sobre o time atuar com três atacantes

 

Leia tudo sobre: santosmuricy ramalhorenterianeymarborges

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG