Tamanho do texto

A colocação de Sobis como meia, embora ainda não esteja plenamente definida, contraria uma tese defendida pelo próprio técnico

Em um trabalho de posicionamento tático realizado na manhã desta segunda, no Beira-Rio, o técnico Celso Roth escalou o Internacional num esquema 4-5-1. Ao orientar o posicionamento dos atletas, o treinador colocou Rafael Sobis aberto pela esquerda, no meio-campo. Alecsandro foi o único atacante.

A equipe contou Renan; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Wilson Matias, Guiñazu, Tinga, D'Alessandro e Rafael Sobis; Alecsandro. Preservado na rodada final do Campeonato Brasileiro, o zagueiro Índio retomou os treinos com bola na manhã desta segunda-feira no Beira-Rio. O jogador não atuou na partida contra o Grêmio Prudente, na última quinta. O volante Glaydson, em recuperação, realizou apenas trabalhos físicos.

A colocação de Sobis como meia, embora ainda não esteja plenamente definida para o Mundial, contraria uma tese defendida pelo próprio Roth, que disse na semana passada entender que ele atuava melhor como atacante. Com este esquema e escalação, Giuliano, herói da conquista da Libertadores, fica na reserva.