Técnico do Grêmio preferiu não comentar vaias recebidas da torcida do Vasco

nullCelso Roth fez uma análise realista da goleada sofrida pelo Grêmio diante do Vasco. Para o treinador, o time carioca foi superior e mereceu o resultado de 4 a 0 – o placar mais elástico sofrido neste Brasileirão. Definiu ainda a atuação como "abaixo da crítica". O motivo? A má marcação.

Entre para a Torcida Virtual e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

"Não conseguimos marcar, especialmente pelo nosso lado esquerdo. O Vasco jogou muito bem e definiu a partida no primeiro tempo. Não jogamos bem, a atuação foi abaixo da crítica", explicou o treinador.

Dos quatro gols, três se originaram nas costas de Julio Cesar – sempre em jogadas com Eder Luis e Diego Souza. Roth evitou fazer comentários individualizados e preferiu destacar a má jornada coletiva. Apesar de derrota, o Grêmio se manteve em 12º , porém, pode ser ultrapassado por Santos e Cruzeiro no domingo.

O treinador fugiu de outro assunto: as vaias e os gritos de "mercenário" que recebeu da torcida do Vasco. Em 2010, após cinco jogos com clube carioca, aceitou oferta do Inter, clube com o qual seria campeão da Libertadores.

"Não tenho nada a dizer. O Vasco está de parabéns".

A delegação do Grêmio retorna a Porto Alegre na noite deste sábado. De folga no domingo, o grupo se reapresenta às 9h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.