Enquanto Neymar ficou no Brasil e conquistou espaço na seleção brasileira, André foi esquecido por Mano

A partida entre Atlético-MG e Santos nesta quinta-feira, às 20h30 (de Brasília), em Sete Lagoas, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, marcará o primeiro duelo entre os amigos Neymar e André . Conhecidos como os “parcas” na Vila Belmiro, os dois formaram uma dupla de ataque vitoriosa em 2010, mas tomaram decisões distintas na carreira.

Neymar e André formarama a dupla de ataque do santos na temporada passada e conquistaram dois títulos
Divulgação
Neymar e André formarama a dupla de ataque do santos na temporada passada e conquistaram dois títulos

Enquanto Neymar preferiu ser caseiro, ficando no Brasil e recusando propostas do futebol europeu, André deixou o Santos para atuar na Europa. No entanto, o atual centroavante do Atlético fracassou no Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e no Bordeaux, da França.

Veja a classificação atualizada do Campeonato Brasileiro

Sendo assim, André voltou ao futebol brasileiro para defender o Atlético-MG. Mesmo assim, a fase de sucesso no Santos ainda não foi revivida em Belo Horizonte. O atacante não conquistou a posição de titular, e briga para fugir da zona de rebaixamento no seu novo clube.

Já Neymar foi mais feliz nesse período. O atleta, que já tinha conquistado ao lado de André, o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil em 2010, levantou mais dois troféus nesta temporada – o bicampeonato paulista e a Copa Libertadores da América.

Leia também: André diz que vai evitar comemorar se fizer gol contra o Santos

Além disso, o camisa 11 do Santos conquistou a posição de titular absoluta na seleção brasileira. Já André, nome certo na lista de Mano Menezes nos primeiros jogos do treinador sob o comando da seleção, perdeu espaço e não foi mais convocado para defender o Brasil.

Em relação ao jogo desta quinta-feira, André brinca com o amigo e faz um apelo para Neymar não enfrentar o Atlético-MG. “O Réver (também estava defendendo a seleção brasileira) vai chegar a tempo e ajudar a gente. Mas espero que o Neymar não”, brincou André, aconselhou ao amigo.

“Falei para não vir, para descansar lá. Tirando as brincadeiras, temos de defender o Atlético e procurar vencer. A gente precisa dessa vitória. Infelizmente, não conseguimos os resultados nesses dois jogos, contra Ceará e América-MG. Mas agora temos de vencer”, completou.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e comente sobre as carreiras de Neymar e André

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.