Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cartão de Neymar no Sul-Americano preocupa técnico brasileiro

"Ainda temos quatro jogos decisivos pela frente", disse Ney Franco, sobre o amarelo levado pelo destaque

AE |

selo

Na abertura do hexagonal final do Sul-Americano sub 20, a seleção brasileira goleou o Chile por 5 a 1, na madrugada desta terça-feira (pelo horário de Brasília), em Arequipa, no Peru. E o destaque, como sempre, foi o atacante Neymar, autor de dois gols. Mas ele também levou um cartão amarelo e ficou pendurado, o que preocupa o técnico Ney Franco - de acordo com o regulamento da competição, o jogador é suspenso com apenas dois cartões.

"Sem dúvida isso nos preocupa, pois ainda temos quatro jogos decisivos pela frente", disse Ney Franco, referindo-se às partidas restantes do hexagonal final do Sul-Americano, contra Colômbia (na madrugada de sexta-feira), Argentina, Equador e Uruguai. E Neymar é a principal arma do Brasil para terminar a competição entre os dois primeiros colocados, o que garante vaga na Olimpíada de Londres, em 2012.

"Vamos conversar com o atleta para que ele administre essa situação da melhor forma possível e não receba o segundo cartão", avisou Ney Franco, que também criticou a violência dos adversários na marcação de Neymar e dos outros jogadores brasileiros durante o Sul-Americano. "O que temos percebido é que as equipes que nos enfrentam praticam o antijogo e muitas vezes descambam para a violência. Temos orientado os atletas para não caírem nesse clima."

Leia tudo sobre: sub 20seleção brasileirasul-americanoneymar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG