Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Carpegiani rebate ¿colocação infeliz¿ de Miranda no São Paulo

Durante a semana, zagueiro apontou esquema de jogo como responsável pela má fase defensiva da equipe

Levi Guimarães, iG São Paulo |

Com dez gols sofridos em sete partidas, a defesa do São Paulo tem em 2011 seu pior início de temporada nos últimos anos. Em sua última entrevista coletiva, o zagueiro Miranda culpou o esquema tático de jogo pelo mau momento do setor.

Na sexta-feira, o técnico Paulo César Carpegiani rebateu os comentários feitos pelo jogador.

“Acho que foi um pouco infeliz, a colocação. Nos dez gols que levamos sempre tínhamos a superioridade numérica, nunca fomos pegos de surpresa. Está faltando, sim, o combate, a disposição. Foram vários gols de erro de posicionamento, quase primários. Temos que corrigir isso”, afirmou o treinador.

A repercussão na imprensa das declarações de Miranda fez com que Carpegiani tivesse uma conversa particular com o zagueiro. “Conversei com o Miranda, ele me colocou bem claro. Não quero entrar na conversa que tive com ele, mas comigo foi bem diferente. O que falta é um pouco mais de gana, de vontade”.

Embora costume escalar muitos jogadores com características ofensivas, Carpegiani não considera que isso traga consequências diretas para a defesa, já que jogadores como Dagoberto, Fernandinho e até Rivaldo também acumulam a função de iniciar a marcação da saída de bola do adversário no campo de ataque.

Futura Press
Miranda precisou se explicar para o técnico Carpegiani, mas segue com moral

Com sua saída do São Paulo marcada para o segundo semestre - o zagueiro já tem contrato assinado com o Atlético de Madri -, Miranda continua com a confiança total de Carpegiani. Pelo menos no discurso.

“É um profissional muito consciente, muito querido pelos companheiros. Vai ser útil para o São Paulo nesses meses. Infelizmente o perdemos, mas enquanto sentir firmeza vou aproveitá-lo. E quando sentir a necessidade de provar alguma coisa sem o Miranda vou fazer”, disse o treinador.

Na tarde de sexta-feira, o São Paulo apresentou oficialmente o zagueiro Rhodolfo, que chega justamente com a expectativa de se tornar o sucessor de Miranda na zaga são-paulina. “É um jogador técnico, que tem disposição. Realmente um jogador que chega ao São Paulo para jogar”, disse Carpegiani sobre o novo camisa 4, que já deve estrear neste domingo, contra a Portuguesa.

Leia tudo sobre: são paulocampeonato paulista 2011mirandacarpegiani

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG