Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Carpegiani evita especulações sobre possível vinda de Forlán

Técnico do São Paulo diz estar plenamente satisfeito com seu elenco e que prioridade é não perder atletas

Levi Guimarães, iG São Paulo |

A situação parece uma repetição do que aconteceu com o técnico do Corinthians, Tite, durante as negociações par a contratação do atacante Adriano. Questionado sobre a possível chegada do uruguaio Diego Forlán, o comandante são-paulino Paulo César Carpegiani simplesmente se nega a fazer comentários.

“Eu não gostaria de comentar nem frisar nada sobre isso. Isso vocês [jornalistas] tem que falar com os responsáveis. Sem comentários. Acho que é um assunto para encher jornal, estamos gastando muito papel com uma coisa de menor importância. É um problema estritamente de vocês com as pessoas que devem isso a vocês”, disse Carpegiani.

No começo da semana, o diretor de futebol do clube, João Paulo de Jesus Lopes afirmou que o São Paulo estaria negociando com três ou quatro jogadores estrangeiros, sendo que um deles teria “o impacto de uma bomba atômica”. Forlán rapidamente passou a ser o nome mais comentado e a informação de um acordo envolvendo a ida do volante Casemiro para o Atlético de Madri chegou a ser veiculada pela Rádio Bandeirantes.

Carpegiani, porém, afirma estar plenamente satisfeito com seu atual elenco. Tanto que, segundo o treinador, a prioridade no momento não é trazer novos reforços, mas sim garantir a permanência dos atuais jogadores, como o zagueiro Alex Silva, cujos direitos pertencem ao Hamburgo da Alemanha e o contrato de empréstimo se encerra em julho.

“Estou plenamente satisfeito com o grupo que tenho. Vamos conseguir ganhar competições? Não sei, mas não vou usar isso como desculpa. Estou seguro e confiante com o que tenho. Gostaria de ter a permanência de todo mundo antes de qualquer contratação. Só um que já está certo que vai sair, o Miranda. Se houver alguma proposta irrecusável vou entender, mas gostaria da manutenção de todos os demais, porque teremos jogos decisivos pela frente”, afirmou.

Em 2011 o São Paulo não trouxe uma quantidade muito grande de reforços. Até agora chegaram seis jogadores, o zagueiro Rhodolfo, o lateral-esquerdo Juan e o atacante Luis Fabiano (esses três com status de titulares) e o lateral-direito Edson Ramos, o meia Rivaldo e o atacante Willian José.

Leia tudo sobre: são paulocampeonato paulista 2011carpegianiforlán

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG