Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Carpegiani diz que Miranda, negociado, pode perder espaço no time

Como zagueiro deixará o São Paulo, treinador cogita tirá-lo da equipe titular quando considerar possível

Levi Guimarães, iG São Paulo |

Já acertado com o Atlético de Madri para o segundo semestre, o zagueiro Miranda será titular na estreia do São Paulo no Campeonato Paulista, contra o Mogi Mirim, no próximo domingo. Mas o técnico Paulo César Carpegiani já afirmou que a titularidade absoluta que o jogador manteve nos últimos anos não estará garantida até junho.

Nesta terça-feira, o treinador admitiu estar preocupado com o futuro do São Paulo após a saída de Miranda. Por isso, ele considera que nos últimos meses do jogador no clube, ele pode abrir mão de sua presença em campo para já começar a preparar o time para a sua ausência.

“O importante para mim era saber o que seria resolvido. Tenho quatro ou cinco meses e tenho que me preparar. Às vezes, se for possível tirá-lo do time, eu vou tirar para ver o time sem ele”, afirmou o treinador.

Miranda anunciou a assinatura de um contrato de três anos com o Atlético de Madri na tarde da última sexta-feira, por meio de sua assessoria de imprensa. Poucos minutos antes, Carpegiani havia dado uma entrevista coletiva na qual disse que o jogador ainda não tinha definido a transferência. Por isso, ele explicou a situação.

“Foi uma coincidência. Dei a entrevista e depois, à tarde, ele veio conversar comigo”, disse Carpegiani. Sem Miranda, o elenco do São Paulo vai passar a contar com apenas cinco zagueiros: Alex Silva, que esté emprestado pelo Hamburgo até julho, Renato Silva, Xandão, Leonardo, que voltou de empréstimo do Los Angeles Galaxy, e Bruno Uvini, que atualmente está com a seleção sub-20.

Leia tudo sobre: São Paulofutebolcarpegiani

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG