O ex-jogador do clube de 1989 a 1998 trabalha atualmente como preparador de goleiros do Aris, da Grécia

Na conquista do título carioca de 1995, Wellerson foi um dos jogadores mais notados em campo naquela inesquecível final contra o Flamengo . Nesta terça-feira, porém, o ex-camisa 1 do Fluminense de 1989 a 1998 demorou a ser notado nas arquibancadas das Laranjeiras. Treinador de goleiros do Aris F.C, da Grécia, ele acompanhou o treinamento de seus sucessores antes de conversar com Marquinho, atual preparador de goleiros do clube.

Siga o iG Fluminense no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Há quatro anos trabalhando no futebol grego e com contrato até 2012, Wellerson está aproveitando as férias no Brasil para visitar alguns dos principais clubes do país e se atualizar na nova profissão. A primeira parada não poderia deixar de ser o Fluminense, clube que o formou e onde conheceu Marquinho.

"Comecei em 89 com o Marquinho aqui. Vim me atualizar, ver como anda a preparação dos goleiros no Brasil. O Fluminense marcou minha vida, tive uma história aqui. Minha veia é verde, a carne é branca e o sangue é vermelho", afirmou.

“Entre para a Torcida Virtual do Fluminense e convide seus amigos”

Quem também esteve nas Laranjeiras para rever os amigos nesta terça-feira foi Delei. Acompanhado do ex-lateral-esquerdo Rubens Galaxe, o ex-apoiador foi campeão carioca em 1980 e era um dos líderes do inesquecível time tricampeão carioca em 1983/1984/195 e campeão brasileiro de 1984.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.