Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Cambistas vendem até eletrônicos na porta do estádio do Cerro

Além de ingressos, paraguaios vendem filmadoras e aparelhos celulares ao redor do estádio Olla Azulgrana

Samir Carvalho, enviado iG a Assunção |

Samir Carvalho
Cambista mostra pilha de ingressos para o jogo entre Cerro e Santos
Engana-se quem pensa que os cambistas paraguaios vendem apenas ingressos, como ocorre ao redor dos estádios brasileiros. No estádio Olla Azulgrana, local da partida entre Cerro Porteño e Santos nesta quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), é comum ver ambulantes vendendo produtos eletrônicos.

Os cambistas abordam a todos oferecendo filmadoras digitais, celulares e máquinas fotográficas. O valor cobrado pelos aparelhos eletrônicos em frente ao estádio é bem inferior ao praticado nas lojas.

Celulares "smartphones", por exemplo, que custam cerca de R$ 1 mil no Brasil, é oferecido pelos ambulantes por R$ 250. O mesmo produto no comércio em Assunção custa R$ 400.

Os cambistas negociam os aparelhos em diversas moedas. Uma filmadora digital, que grava em HD, vale cerca de US$ 500 nas mãos dos ambulantes, que escondem os produtos em malas, bolsos e até jaquetas.

Os ingressos também são oferecidos, claro. O bilhete de arquibancada, vendido por R$ 12 nas bilheterias, é oferecido por R$ 45. Já as entradas para as cadeiras numeradas do estádio são oferecidas por R$ 130.

Os cambistas não permitiram fotos dos produtos vendidos ao redor do estádio, mas o iG conseguiu registrar a venda de ingressos, que é feita na frente dos policiais.

Leia tudo sobre: SantosCopa Libertadores 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG