Efetivo de cerca de 600 policiais para Corinthians x São Paulo não coibe ação de vendedores

Pouco antes do clássico deste domingo entre Corinthians e São Paulo , pela 7ª rodada do Campeonato Paulista , cambistas circulam e vendem ingressos livremente tanto na frente quanto nos arredores do estádio do Pacaembu. A reportagem do iG foi abordada ao todo por 12 vendedores, que ofereceram entradas por preços R$ 20, R$ 30 e até R$ 40 acima do pedido nas bilheterias.

CLÁSSICO: Com tabu símbolo da “era Andrés”, Corinthians e São Paulo medem forças

O efetivo de cerca de 600 policiais destacados para a partida, que terá início às 17h (horário de Brasília), disse que não espera ter problemas com confrontos de torcedores, mas avisou que não irá interferir na ação dos cambistas. "Temos um efetivo de 600 homens e os torcedores do São Paulo , que estão em menor número, serão protegidos, assim como os do Corinthians . Mas não faremos nada quanto aos cambistas. Isso é responsabilidade da prefeitura, não nos foi passada nenhuma ordem", informou o comando da PM.

MARCA: Corinthians defende tabu de 5 jogos contra o São Paulo no Pacaembu

A expectativa é de cerca de 25 mil torcedores para o duelo entre 2° e 3° colocado do Paulistão. Vale lembrar que, como a FPF (Federação Paulista de Futebol) fecha as bilheterias às 12h em dias de clássico, os cambistas tornam-se a única opção para o torcedor que deixa para comprar o ingresso em cima da hora. Nos últimos cinco clássicos contra o São Paulo no Pacaembu, o Corinthians venceu todos .

SETOR LILÁS: São-paulinos reclamam de "cantinho" onde ficarão no Pacaembu

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.