Tricampeão consecutivo, Egito perde para Serra Leoa e não disputará o torneio continental em 2012

Em mais um sábado de eliminatórias para a Copa Africana de Nações, as favoritas seleções de Costa do Marfim e Camarões fizeram o esperado e aplicaram sonoras goleadas em seus jogos. Enquanto isso, o Egito decepcionou mais uma vez, perdeu para Serra Leoa e foi eliminado da disputa do torneio.

Embaixadora da ONU, a brasileira Marta foi a responsável por dar o pontapé inicial da partida entre Serra Leoa e Egito. Quando a bola rolou de verdade, os egípcios mais uma vez não conseguiram apresentar um bom futebol e foram derrotados pelos donos da casa por 2 a 1.

Com o resultado negativo, o Egito permaneceu com apenas dois pontos no Grupo G, sendo eliminado da disputa da Copa Africana. Após conquistar o torneio continental por três vezes seguidas, os egípcios serão a grande ausência do campeonato, que será disputado em 2012, no Gabão e na Guiné Equatorial.

Já a Costa do Marfim, que não contava com o atacante Didier Drogba , goleou Ruanda por 5 a 0. Bony, duas vezes, Kalou , Gervinho e Konan foram os responsáveis por colocar os marfinenses na liderança do Grupo H, com 15 pontos ganhos.

Outra seleção que conseguiu um placar elástico nessa rodada foi Camarões. Comandados por Eto'o , que marcou um gol de pênalti, os camaroneses fizeram 6 a 0 nas Ilhas Maurício e permaneceram em segundo lugar em seu grupo, cinco pontos atrás do líder Senegal. Os outros gols foram marcados por Chopo-Mouting, duas vezes, Kweuke, Andongcho e Yaounde.

Líbia vence sob as cores de nova bandeira

Nas outras partidas, destaque para a Líbia, que sob o comando do treinador brasileiro Marcos Paquetá, venceu Moçambique por 1 a 0 e ficou muito perto de conseguir uma vaga para o torneio continental. A seleção usou a bandeira e o hino nacional do novo governo, que derrubou o regime de Muamar Kadhadi, na vitória por 1 a 0 sobre Moçambique neste sábado, no Cairo.

Enquanto a Líbia abria o placar, aos 31 minutos do primeiro tempo, centenas de líbios comemoram diante do telão instalado na praça dos Mártires, em Trípoli. Homens armados atiraram para o alto com armas automáticas."Olha só Saadi, isso é futebol", ironizaram os torcedores, referindo-se a um dos filhos do ex-ditador Muamar Kadhafi, que chegou a integrar o time profissional do Perugia, na Itália, em 2003, disputando apenas uma partida.Com o resultado, a Líbia lidera o Grupo C das eliminatórias, com 11 pontos, dois a mais que Zâmbia, que enfrenta as Ilhas Comores neste domingo.

A rodada final das eliminatórias para a Copa Africana de Nações acontece entre os dias 7 e 9 de outubro, quando serão definidas as catorze seleções que se juntarão a Gabão e Guiné Bissau, que já têm vagas asseguradas por serem os anfitriões do campeonato.

Confira os resultados da penúltima rodada das eliminatórias da Copa Africana:

Serra Leoa 2 x 1 Egito
Ruanda 0 x 5 Costa do Marfim
Camarões 6 x 0 Ilhas Maurício
Senegal 2 x 0 Congo
Namíbia 1 x 0 Gâmbia
Líbia 1 x 0 Moçambique
Malawi 0 x 0 Tunísia
Tanzânia 1 x 1 Algéria
Quênia 2 x 1 Guiné Bissau
Mali 3 x 0 Cabo Verde

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.