Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Caixinha do vestiário terá a cara de Julinho Camargo no Grêmio

Novo treinador pretende modificar sistema de regras e multas estabelecido por Renato Gaúcho

Hector Werlang, iG Porto Alegre |

Julinho Camargo não mudou apenas esquema tático, escalação e a relação do treinador com a direção do Grêmio . Com 11 dias de clube, a serem completados nesta quarta-feira, o comandante projeta colocar as duas ideias em um importante instrumento de controle dos jogadores implantado por Renato Gaúcho: a caixinha do vestiário.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

Foi a partir do sistema de regras e multas que o antigo técnico pôs ordem em um ambiente tumultuado em 2010 e puniu casos de indisciplina nesta temporada. Julinho pretende debater com os dirigentes, em especial o novo diretor executivo Alexandre Faria, o que deve ser aperfeiçoado:

“Tanto a minha opinião quanto a dele deve valer. A caixinha será readequada, mas continua. O importante é que o pessoal está respeitando as regras”.

Julinho não deu detalhes do que pretende alterar. Com Renato, que costumava revelar os punidos, número de passou dos 15, as multas conhecidas eram: R$ 2 mil por falta a treinou ou expulsão em jogo; R$ 1,5 mil por falta a tratamento; R$ 500 por quilo acima do peso; R$ 30 por minuto de atraso a treino.

Desde que foi contratado, o novo treinador não enfrentou nenhum caso de indisciplina.

Leia tudo sobre: grêmiobrasileirão 2011caixinhajulinho camargo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG