Atacante paraguaio está afastado do futebol desde janeiro de 2010, quando foi baleado na cabeça em bar na Cidade do México

O atacante paraguaio Salvador Cabañas está afastado do futebol desde janeiro de 2010, quando foi baleado na cabeça em um bar na Cidade do México. A bala não pôde ser extraída, mas o jogador voltou a treinar e já está pensando em seu retorno aos gramados.

"É o que mais gosto, é o que quero fazer, é meu trabalho. Quero retornar bem aos gramados e estar em grandes partidas", contou Cabañas à Televisa . Nesta quarta-feira, será realizado um amistoso entre o América do México e a seleção paraguaia em sua homenagem. Ele afirmou que vai jogar alguns minutos, mas ainda não sabe o time.

Cabañas lamentou não ter participado da Copa do Mundo da África do Sul, em junho de 2010 e elogiou os companheiros que chegaram às quartas de final. Ele admitiu que a vida está um pouco diferente, mas exaltou a evolução. Disse que quando voltou a treinar, parecia um menino que ganhou uma bola, mas já está melhorando.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.