Equipe carioca pode assumir a ponta com tropeceço dos rivais. Atlético-PR vive problemas internos

Após ser titular na seleção brasileira, Jefferson volta ao gol do Botafogo
Futura Press
Após ser titular na seleção brasileira, Jefferson volta ao gol do Botafogo
O momento de otimismo voltou a tomar conta do torcedor botafoguense. Após quebrar uma sequência de três jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro com um triunfo sobre o Corinthians , na casa do adversário, na última quarta-feira, a equipe carioca volta a depender apenas de si para conquistar o torneio. E para alcançar esse objetivo, o time comandado pelo técnico Caio Júnior recebe o Atlético-PR neste domingo, às 16h, no estádio Engenhão, pela 30ª rodada.

Veja mais: Botafogo é o 3º e Atlético-PR o 18º no Brasileirão. Veja a tabela atualizada

Na quarta colocação, com 49 pontos , o Botafogo pode chegar ao primeiro lugar da tabela nesta rodada, caso Corinthians e Vasco , que enfrentam Cruzeiro e Atlético-MG , respectivamente, percam suas partidas. Ainda que não assuma a liderança neste final de semana, o time carioca segue com um jogo a menos que os adversários na luta pelo título, por conta da partida contra o Santos , marcada para o dia 19 de outubro .

Leia também: Em reunião com jogadores, gerente do Botafogo acerta premiações atrasadas

Pelo lado do Atlético-PR , a situação é muito mais complicada. Na 18ª colocação, com 28 pontos, o time não deixará a zona de rebaixamento do Brasileirão mesmo que vença o Botafogo. A equipe vem de um empate de 2 a 2 contra o Vasco , em casa, após estar vencendo por dois gols de vantagem. Apesar da situação delicada do time curitibano, o discurso no Botafogo é de respeito e paciência para abrir o placar.

Leia mais: Antônio Lopes é contestado por Baier, mas elogia o Atlético-PR

"É o que a gente sempre diz antes dos jogos. Independente do adversário vamos ter que buscar a vitória de qualquer maneira. Sabendo da dificuldade deles, do momento deles, a forma como vão jogar aqui não é como Corinthians jogou contra a gente no meio da semana. Vão atuar mais fechados, com cautela, mas mesmo assim a gente precisa dar nosso melhor e ter paciência para vencer", disse o meia Felipe Menezes.

O Botafogo também busca encerrar um tabu, já que nunca venceu a equipe curitibana no estádio Engenhão em Brasileiros . Foram três partidas, com dois empates e uma vitória do Atlético-PR, que também derrotou o Botafogo no primeiro turno, na Arena da Baixada. Por isso, o técnico Caio Júnior faz mistério sobre qual equipe levará a campo no domingo.

Veja também: Observado pelo Milan, Jefferson revela sonho de jogar na Europa

Morro Garcia foi pego no antidoping no Uruguai, mas seguirá autando no Brasil
Futura Press
Morro Garcia foi pego no antidoping no Uruguai, mas seguirá autando no Brasil
A única certeza é a volta do goleiro Jefferson, que estava com a seleção brasileira e não enfrentou o Corinthians na última quarta-feira. Na vaga do lateral-esquerdo Cortês, expulso contra o time paulista, o treinador deve escalar o meia Everton, que já atuou no setor. Márcio Azevedo corre por fora. Na direita, Lucas, que cumpriu suspensão automática na última partida, deve recuperar o posto de titular de Alessandro. A última dúvida fica por conta da manutenção do meia Felipe Menezes ou da volta do atacante Herrera, que foi reserva contra o Corinthians.

No Atlético-PR, declarações e problemas fora de campo aumentaram a situação complicada da equipe. Após o empate contra o Vasco, o técnico Antônio Lopes foi xingado pela torcida e contestado publicamente pelo meia Paulo Baier , um dos líderes do elenco. Além disso, o atacante Morro García foi flagrado no exame antidoping por cocaína. Porém, como o teste foi feito na época que o jogador defendia o Nacional, do Uruguai, ele segue liberado para atuar pelo Atlético-PR.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Em relação ao time que empatou com o Vasco, o único desfalque será o atacante Guerrón, que recebeu o terceiro cartão amarelo diante e cumprirá suspensão automática. Já os zagueiros Fabrício e Manoel, que cumpriram suspensão na última rodada, voltam ao time titular do Atlético-PR.

FICHA TÉCNICA - BOTAFOGO X ATLÉTICO-PR

Local: estádio Olímpico João Havelange, o 'Engenhão', no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 16 de Outubro (Domingo)
Hora: 16h (de Brasília)
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Auxiliares: Jossemmar Diniz Moutinho (PE) e Albino Andrade Albert Junior (PE)

BOTAFOGO: Jefferson, Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Everton (Márcio Azevedo); Marcelo Mattos, Renato, Maicosuel e Elkeson; Herrera (Felipe Menezes) e Loco Abreu
Técnico: Caio Júnior

ATLÉTICO-PR: Renan Rocha, Wagner Diniz, Manoel, Fabrício(Rafael Santos) e Héracles; Deivid, Renan, Paulo Baier e Marcinho; Nieto e Morro García
Técnico: Antônio Lopes

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e comente o duelo contra o Atlético-PR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.