Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Breno, Gilberto Silva ou Taison? Veja quem pode reforçar seu time

Times tentam fazer contratações antes do início do Brasileirão. Confira quem está disponível no mercado

Allan Brito, iG São Paulo |

Getty Images
Gilberto Silva, que já disputou três Copas do Mundo, pode voltar a jogar no Brasil em agosto
Falta menos de um mês para o Campeonato Brasileiro de 2011 começar. No dia 21 de maio acontecerá a primeira rodada da competição nacional, mas até lá uma outra disputa irá agitar o futebol no país: a busca por bons reforços no mercado da bola .

Os dirigentes que se dispuserem a pesquisar no Brasil e no exterior poderão encontrar jogadores disponíveis em todas as posições. Alguns estão sendo pouco utilizados, outros estão envolvidos em negociações e ainda há aqueles que estão em fim de contrato ou sem clube mesmo. Todos eles podem jogar no seu time a partir do Brasileirão.

Os clubes só precisam ter cautelas com alguns detalhes do processo de repatriação. Há um timing correto. Afinal, mesmo que a transferência aconteça agora, os atletas que vierem do exterior só poderão jogar a partir de 3 de agosto, quando a janela internacional for reaberta no Brasil.

Entre repatriados, pouco aproveitados e atletas sem time para jogar, é possível montar um time com Neto; Cicinho, Breno, Rafael Tolói e Márcio Azevedo; Gilberto Silva, Renato, Ricardinho e Carlos Eduardo; Taison e Marcelo Moreno. Todos eles têm chances reais de serem contratados em breve.

Veja, posição por posição, uma lista de jogadores que estão disponíveis no mercado para suprir as necessidades dos times brasileiros:

Divulgação
Goleiro Neto foi comprado recentemente pela Fiorentina por 7,5 milhões de reais
Goleiros
Neto (Fiorentina-ITA): o arqueiro ex-Atlético-PR foi contratado no começo do ano, mas no time italiano tem sido apenas o terceiro reserva. Contratá-lo em definitivo seria difícil, mas repatriá-lo por empréstimo pode ser um negócio vantajoso e viável.

Outras opções: quem quer mais experiência pode tentar fazer com que Dida volte a jogar - ele está sem clube desde que saiu do Milan, em julho do ano passado. Há ainda uma série de reservas de times brasileiros que poderiam ser testados como titulares em outros clubes: Bruno (Palmeiras), Felipe (Santos), Rafael (Fluminense) e Tiago (Bahia), por exemplo.

 

Reuters
Cicinho tem jogado pouco pelo Villarreal
Laterais-direito
Cicinho (Villareal-ESP): definitivamente não está fácil para o lateral ex-São Paulo conseguir sucesso na Europa. Após passagens por Real Madrid e Roma, ele jogou apenas quatro vezes no Villareal durante a atual temporada. Voltar ao Brasil de novo pode ser mais um recomeço.

Outras opções: já que Cicinho só poderia jogar em agosto, uma opção mais rápida é Belletti, lateral vencedor que saiu do Fluminense em março e segue sem clube. Há ainda Coelho, ex-Corinthians e Atlético-MG, que está com 29 anos e segue "escondido" no Karabükspor-TUR.

 

Mowa Press
Até agora Breno não se firmou no Bayern
Zagueiros
Breno (Bayern de Munique-ALE) e Rafael Tolói (Goiás): os dois jovens promissores, com idade olímpica, já estão na mira dos principais times do Brasil. As negociações com eles não serão fáceis, mas é provável que alguém consiga contratá-los.

Outras opções: dois ex-palmeirenses, Gustavo (Lecce-ITA) e Henrique (Racing-ESP) não conseguiram sucesso na Europa, então podem querer voltar ao Brasil agora.

 

 

 

Gazeta Press
Marcio Azevedo decepcionou no Botafogo
Laterais-esquerdo
Márcio Azevedo (Botafogo): o lateral que se destacou no Atlético-PR só tem sido vaiado no Botafogo. O time carioca inclusive já contratou Cortês, ex-Nova Iguaçu, para a posição. Com isso, Márcio pode tentar se firmar em outro time no Campeonato Brasileiro.

Outras opções: quem também não estava satisfeito com seu lateral era o Atlético-MG, que contratou Guilherme, ex-Almería-ESP, para o lugar que era de Leandro. Este agora ficou sem espaço no clube e pode sair em breve. Há ainda Gérson Magrão, meio-campista de origem que se destacou como lateral do Cruzeiro e tem sido pouco utilizado no Dínamo de Kiev-UCR.

Bruno Cantini / Divulgação
Zé Luis, campeão brasileiro pelo São Paulo em 2008, está sem clube no momento
Volantes
Gilberto Silva (Panathinaikos) e Renato (Sevilla-ESP): o primeiro só tem contrato até o fim da temporada com o time grego. Já o segundo, ex-santista que está na Espanha desde 2004 e tem contrato até 2012, pode querer voltar ao Brasil agora.

Outras opções: quem quiser um volante mais novo e que chegue para jogar antes de agosto, pode apostar em Willian Magrão, do Grêmio, ou Zé Luis, recém dispensado do Atlético-MG. Fora do país, há ainda Magrão (Al Wahda-EAU, ex-Corinthians), Airton (Benfica-POR, ex-Flamengo), Roberto Brum (Alki Larnaca-CPR, ex-Santos) e Alan Bahia (Al-Khor-CAT, ex-Atlético-PR).

Divulgação
Carlos Eduardo recupera-se de lesão no Olímpico e por isso o Grêmio quer contratá-lo
Meias
Carlos Eduardo (Rubin Kazan-RUS) e Ricardinho (sem clube): o Grêmio já está de olho na possibilidade da repatriar Carlos Eduardo, que teve passagens pela seleção brasileira recentemente. Já Ricardinho foi dispensado pelo Atlético-MG, negocia com o Botafogo, mas ainda está disponível no mercado.

Outras opções: Entre os jogadores que já estão no Brasil, sobram atletas que pouco têm jogado, mas já tiveram bons momentos na carreira, como Tartá (Fluminense), Enrico (Vasco), Willians (Fluminense) e Pedro Ken (Cruzeiro). Fora do país, há a possibilidade de tentar repatriar Wagner (Gaziantepspor-TUR, ex-Cruzeiro), Caio (Frankfurt-ALE, ex-Palmeiras) e Alex Teixeira (Shakthar Donetsk-UCR, ex-Vasco)

Gazeta Press
Taison deixou saudades no Internacional
Atacantes
Taison (Metalist-UCR) e Marcelo Moreno (Shakthar Donetsk-UCR): O rápido atacante ex-Inter até viveu bons momentos na Ucrânia, mas pode querer voltar ao Brasil para se destacar novamente. Já Moreno, de boa passagem pelo Cruzeiro no passado, está atualmente na reserva do Shakthar.

Outras opções: Ciro, do Sport, já esteve na mira de boa parte dos times brasileiros. Jô, do Manchester City-ING, quase não joga na Inglaterra. Fernandão, do São Paulo, não consegue ter espaço no time do técnico Carpegiani. Fernando Baiano, do Al-Wahda-EAU, está há muito tempo longe do Brasil e pode ter interesse em voltar. Atacantes não faltam para reforçar os times brasileiros.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG