Diogo, meio-campo do Wanderers, do Uruguai, se irritou ao ser expulso contra o Danúbio e só retorna na 12ª rodada

O jogador brasileiro Diogo, do time uruguaio Wanderers, foi suspenso nesta quarta-feira por dez partidas por ter agredido um assistente, informaram fontes da AUF (Associação Uruguaia de Futebol). Diogo fez falta dura e recebeu cartão vermelho no último minuto da partida contra o Danúbio, pela primeira rodada do Torneio Apertura.

Após receber a punição, o brasileiro deu um tapa no auxiliar. No dia seguinte, o jogador reconheceu seu erro e pediu desculpas ao árbitro. O Tribunal de Penas da AUF aplicou uma suspensão de dez partidas ao jogador, que não poderá voltar a fazer parte da equipe do Wanderers até a 12ª rodada do Torneio Apertura. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.