Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Brasileirão 2011 pode ficar marcado pelos extremos do Atlético-MG

Depois de péssimo primeiro turno, time mineiro pode ter a sua melhor campanha em returnos desde 2003

Victor Martins, iG Belo Horizonte |

A vitória sobre o Fluminense tirou o Atlético-MG da zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro, depois de sete rodadas. Com os pontos conquistados no Engenhão, o time atleticano chegou a 18 pontos no segundo turno, superando a fraca campanha do turno , quando conquistou somente 15 pontos. A equipe comanda por Cuca ainda tem sete jogos para melhorar o seu rendimento e fazer o melhor returno do Atlético-MG na era dos pontos corridos.

Veja também: Atlético-MG deixa o Z-4 depois de sete rodadas. Veja a classificação

Com 50% de aproveitamento, o time de 2011 ainda está um pouco atrás da equipe de 2007. Comandado por Emerson Leão naquele ano, o Atlético-MG teve 52% de aproveitamento, conquistando 30 pontos no segundo turno. Caso mantenha o desempenho, o time desta temporada vai ficar marcado como o Atlético-MG dos extremos, afinal e contas o time teve o seu segundo pior primeiro turno.

Leia também: Renan Ribeiro supera as dificuldades e se firma no Atlético-MG

Por conta da reação da equipe e sétima melhor campanha no returno, o meia Daniel Carvalh o diz que um rebaixamento do Atlético-MG não seria justo, ao contrário da primeira parte da competição, que segundo o atleticano foi digna de rebaixamento.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

null“Pelo segundo turno que a gente vem apresentando, acho que a gente não merece entrar na zona do rebaixamento. Nem podemos pensar em voltar, mas pelo segundo turno. Pois pelo primeiro turno, a gente deveria ter caído há horas, foi uma vergonha, isso todo mundo já sabe. Esperamos ficar longe da zona do rebaixamento, até procurar uma vaga na Copa Sul-Americana . O principal de tudo é tentar nos distanciarmos, depois que saímos, é fazer de tudo para não voltar mais”.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

Embora Cuca tenha chegado ao Atlético-MG depois da 15ª rodada, a primeira vitória foi somente no segundo turno, diante do Atlético-PR . Para o zagueiro Leonardo Silva , o mérito do treinador foi manter o time na sequência de jogos, já que o treinador não teve muito tempo para trabalhar assim que chegou ao clube.

“Desde que o Cuca chegou não tivemos muito tempo para trabalhar , mas ele procurou manter o time com a sequência de jogos. A equipe também procurou evoluir em vários quesitos, procurou melhorar. No segundo turno temos um aproveitamento bem melhor, mas a situação ainda é complicada. Mas devagarzinho vamos conseguindo forças dentro de campo para buscar o resultado e sair dessa situação. Já colocamos o pé para fora, agora é manter fora do Z-4”.

Para manter o bom momento no segundo turno, o Atlético-MG espera ter o estádio lotado para enfrentar o Palmeiras . Os ingressos começam a ser vendidos nesta quarta-feira, em Sete Lagoas e Belo Horizonte, com o preço promocional de R$ 5. “Esperamos que o torcedor compareça, nos prestigie e nos apóie. A parte deles com certeza eles têm feito, vamos se dentro de campo a gente faz o nosso:, completou Daniel Carvalho.

Leia tudo sobre: Atlético-MGBrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG