Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Brasil sofre, mas bate Chile no Mundial de Futebol de Areia

Seleção nacional conseguiu ainda atingir uma marca histórica, com o seu gol 3 mil, marcado por Buru

EFE |

Mesmo favorito, e apesar do apoio da torcida, o Brasil precisou se esforçar para vencer o Chile por 10 a 4 nesta quarta-feira pelas Eliminatórias do Mundial de Futebol de Areia, em partida disputada em uma arena montada na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro.

O elenco brasileiro conseguiu alcançar a marca dos 3 mil gols de sua história, quando Buru balançou a rede da arena. O defensor anotou outros dois tentos e chegou aos 200 na carreira. A vitória manteve a liderança do Brasil no grupo A das Eliminatórias, levou o time aos 9 pontos e garantiu sua vaga nas semifinais do torneio.

Nesta quinta-feira, o Brasil enfrenta a Venezuela, às 15h45 (de Brasília), em partida que irá definir a liderança da chave. Já o Uruguai perdeu para a Argentina nesta quarta-feira por 5 a 3 e deu adeus ao Mundial. Três vezes vice-campeã do mundo, a equipe uruguaia era obrigada a vencer os rivais para avançar à próxima fase.

O resultado mantém a liderança da Argentina no grupo B, o que a permite evitar um confronto contra os brasileiros, atuais campeões do mundo, na próxima rodada, que será disputada no sábado. "Nosso objetivo era passar à fase seguinte e evitar disputar a vaga para a final contra a seleção brasileira", disse Sebastián Larreta, jogador argentino, ao fim da partida.

Leia tudo sobre: futebol de areia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG