Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Botafogo visita o Avaí para salvar o semestre e sonho de título

Eliminado do Carioca, equipe se concentra na Copa do Brasil e tenta reverter vantagem fora de casa

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

No começo da temporada, diretoria e comissão técnica do Botafogo deixaram claro o principal objetivo da equipe no ano: conquistar uma vaga na Copa Libertadores. A perda da vaga na última rodada do Campeonato Brasileiro do ano passado, para o Grêmio, fez com que a vontade de disputar o torneio se tornasse quase uma obsessão no clube. Por isso, a partida desta quarta-feira, contra o Avaí, às 19h30, no estádio da Ressacada, em Florianópolis, pode ‘salvar’ o semestre do time. Eliminado das fases finais do Campeonato Carioca, algo que não acontecia desde 2005, o Botafogo joga para seguir vivo na Copa do Brasil e não entrar em férias antes da hora.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Por ter empatado a primeira partida das oitavas de final em 2 a 2, fora de casa, o Avaí tem a vantagem de poder se classificar com um 0 a 0 ou 1 a 1. Caso o placar do primeiro jogo se repita, a decisão vai para os pênaltis. Empates por mais de três gols, dão a vaga ao Botafogo. Uma vitória simples classifica qualquer uma das equipes. Confiante, o técnico Caio Júnior minimizou a eliminação do Carioca e relembrou que a prioridade do time no ano é a vaga no torneio internacional.

"A Copa do Brasil é muito importante, dá a classificação para a Libertadores, algo que o Carioca não dá. Se nos classificarmos, já estaremos entre os oito primeiros e essa é nossa prioridade no planejamento. Será um jogo difícil, acredito que emocionante, mas há uma expectativa boa. Eu estou muito motivado, feliz com a evolução mostrada no jogo contra o America", destacou Caio Júnior.

Para o atacante Loco Abreu, o Botafogo deve procurar marcar um gol no começo da partida e jogar a pressão para o Avaí. O uruguaio também pediu que a equipe entre mais atenta na marcação, pois na primeira partida, no Engenhão, levou dois gols nos primeiros 25 minutos de jogo.

"Tivemos um apagão nos primeiros minutos daquele jogo, depois acertamos a marcação e melhoramos. Não podemos dar o espaço que demos para o Avaí jogar, e isso que precisamos tirar de lição daquela partida. Obviamente que nós vamos sair buscando o gol. Se a gente marcar nesses primeiros minutos, muda tudo. Eles terão que dar espaço, a torcida já vai começar a pressionar e nós poderemos aproveitar para explorar o contra-ataque”, analisou Loco Abreu.

O único desfalque da equipe carioca é o zagueiro Antônio Carlos, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. No seu lugar, Caio Júnior confirmou o volante Fahel, que atuará improvisado. Fábio Ferreira, que se recuperou de lesão no joelho, ficará no banco de reservas. Além da zaga, o Botafogo terá mudanças em mais duas posições. Na lateral-esquerda, o jovem Guilherme dará lugar a Cortês, que ficou de fora da partida contra o América por não poder disputar o Campeonato Carioca. No meio, o volante Marcelo Mattos, poupado no domingo pela sequência de jogos, retorna na vaga de Somália.

Enquanto o Botafogo decepcionou no Campeonato Carioca, o Avaí segue em recuperação no Campeonato Catarinense. Após um primeiro turno ruim, quando não se classificou para as fases decisivas, o time conseguiu a vaga nas semifinais do segundo turno, ao derrotar o Concórdia por 4 a 0 no fim de semana. Mesmo com a vantagem do empate sem gols, o técnico Silas descarta qualquer possibilidade de sua equipe entrar em campo recuada, apenas segurando o resultado.

"Nós devemos pensar que precisamos de uma vitória, pois a vantagem que conseguimos no Rio de Janeiro foi mínima. Até é uma vantagem, mas a melhor maneira de usá-la é não contarmos com ela", disse Silas.

O Avaí terá reforços para este jogo. O volante Marcinho Guerreiro e o atacante William, poupados contra o Concórdia, e o atacante Rafael Coelho, que cumpriu suspensão no fim de semana, reaparecem. Em relação ao jogo de ida contra o Botafogo, a novidade será a volta do meia Marquinhos, recuperado de lesão muscular na coxa direita e que vai ocupar a vaga de Marquinhos Gabriel.

FICHA TÉCNICA - AVAÍ-SC X BOTAFOGO-RJ

Local: Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 20 de abril de 2011 (Quarta-feira)
Horário: 19h30(de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Jair Felix (MG)

AVAÍ: Renan; Bruno, Cássio e Gian; Felipe, Marcinho Guerreiro, Diogo Orlando, Marquinhos e Juliano; Rafael Coelho e William
Técnico: Silas

BOTAFOGO: Jefferson; Lucas, João Filipe, Fahel e Cortês; Arévalo, Marcelo Mattos, Everton e Cidinho; Herrera e Loco Abreu
Técnico: Caio Junior

Leia tudo sobre: botafogoavaícopa do brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG