Tamanho do texto

Alessandro, Marcelo Mattos, Renato e Everton já comemoraram o título e querem repetir o feito em 2011

Renato foi campeão brasileiro com a camisa do Santos em 2002 e 2004
Satiro Sodré/Divulgação AGIF
Renato foi campeão brasileiro com a camisa do Santos em 2002 e 2004
Na disputa para conquistar o título do Campeonato Brasileiro, o Botafogo conta com quatro jogadores que sabem bem o caminho para a glória. Se a maioria do elenco da equipe carioca ainda não teve a chance de conquistar o título mais importante do futebol brasileiro, esse quarteto esperar repetir o feito e entrar para a história do time de General Severiano com o terceiro título nacional do clube.

Veja mais: Botafogo é o 3º no Brasileirão. Veja a tabela atualizada

Do atual elenco, Alessandro , Marcelo Mattos , Renato e Everton já levantaram a taça do Brasileirão. O primeiro, conquistou a competição em 2001, quando defendia o Atlético-PR . Já Marcelo Mattos era titular absoluto do meio-campo do Corinthians , que venceu a competição em 2005. Renato venceu o torneio duas vezes pelo Santos : em 2002, quando foi titular absoluto da formação dos 'Meninos da Vila', e em 2004, quando disputou apenas seis partidas, antes de se transferir para o Sevilla .

Leia também: Nilton Santos visita jogadores do Botafogo para desejar boa sorte

Porém, é o meia Everton, de 23 anos, o mais novo dos quatro jogadores, quem dá a dica para os companheiros do grupo. Campeão brasileiro com o Flamengo , em 2009, quando começou na reserva, mas ganhou a confiança do técnico Andrade e foi escalado até como lateral-esquerdo, Everton diz que manter a concentração na reta final do torneio é fundamental para conquistar o título.

"O Botafogo já provou que tem uma equipe muito forte, jogando dentro ou fora de casa. Contra o Santos, na Vila Belmiro, teremos um desafio tão complicado quanto foi contra o Corinthians, no Pacaembu. Se encaramos essa partida com a mesma seriedade e, principalmente, concentração durante os 90 minutos, dificilmente sairemos derrotados. Esse é o fator principal para o Botafogo conquistar o título. Nessa reta final, quem estiver mais concentrado no jogo, levará vantagem”, disse o jogador.

Veja também: Diferente de 2010, Botafogo se livra de lesões e mantém base titular

O iG selecionou as principais qualidades dos quatro campeões brasileiros e o que eles podem transmitir ao grupo para o momento de decisão. Veja na lista abaixo:

Alessandro
Jogador com o maior tempo de casa - está no Botafogo desde 2007 -, o lateral-direito é um dos líderes do elenco. Além disso, o jogador é um dos grandes responsáveis pela união do elenco. Na partida contra o Ceará, quando o lateral Márcio Azevedo foi substituído e descia direto para o vestiário, Alessandro saiu do banco e 'arrastou' o colega para junto dos companheiros . A importância do jogador internamente é sempre destacada por Caio Júnior .

Marcelo Mattos quer repetir conquista que teve com o Corinthians, em 2005
AE
Marcelo Mattos quer repetir conquista que teve com o Corinthians, em 2005
Renato
A mesma calma que carrega para dentro de campo, tornando-o o jogador com melhor média de assistências da equipe, Renato demonstra no dia a dia de treinamentos e atividades do clube. Espelho para os mais jovens, o volante é constantemente procurado para dar conselhos . A tranquilidade que passa ao time durante as partidas pode ser decisiva em uma reta final tão disputada como promete ser a deste Campeonato Brasileiro.

Marcelo Mattos
Ao ser contratado em definitivo pelo Botafogo, que comprou o volante do Panathinaikos , da Grécia, Marcelo Mattos se emocionou com um vídeo feito por jogadores e funcionários do clube. Nele, todos destacavam a entrega do jogador em campo, se esforçando sempre ao máximo pela equipe. Além disso, o volante também é um dos 'brincalhões' do elenco, melhorando o clima do vestiário.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Everton
De titular absoluto no primeiro semestre, Everton acabou perdendo a posição de titular após uma fratura no ombro esquerdo , que o tirou dos gramados por dois meses. Porém, recuperado, o jogador pode ajudar com sua versatilidade, exatamente como vez no rival Flamengo . Atuando tanto no meio, quanto na lateral-esquerda, o jovem de 23 anos pode ser uma opção para manter a qualidade do time titular.

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e comente todas as notícias

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.