Time treinou cobranças no final da atividade desta quinta, mas Jefferson prefere 'resolver tudo antes'

No final do treinamento do Botafogo nesta quinta-feira, no estádio Engenhão, os jogadores treinaram cobranças de pênalti. Antes de autorizar o início das cobranças, o técnico Joel Santana pediu para que fotógrafos e cinegrafistas não registrassem as imagens. Loco Abreu cobrou apenas uma vez, e marcou sem usar a famosa 'cavadinha'.

Jefferson, que defendeu algumas cobranças, relembrou o desempenho na final da Taça Rio do ano passado, quando pegou um pênalti de Adriano. Porém o goleiro espera que a partida seja resolvida antes, durante os 90 minutos.

"Treinamos bem, se for preciso, estamos preparados para o que vier. Mas prefiro que tudo seja decidido durante os 90 minutos. Se for para os pênaltis vou me concentrar e sei que os cobradores também estão prontos, mas vamos brigar para conquistar a vitória antes", disse o goleiro do Botafogo.

Neste Campeonato Carioca, Jefferson já defendeu uma cobrança de penalidade contra o Bangu, no empate por 1 a 1. Já o atacante Loco Abreu, que tem seis gols no torneio, marcou quatro de pênalti, mas perdeu uma cobrança contra o Fluminense, quando o goleiro Diego Cavalieri, ficou parado no meio do gol e defendeu a 'cavadinha' do uruguaio.

Contra o Flamengo, caso um pênalti seja marcado para o Botafogo, o cobrador deve ser o argentino Herrera. Os dois são os batedores oficiais, e como Loco Abreu cobrou duas vezes contra o Fluminense, o companheiro terá a preferência na partida do próximo domingo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.