Jancarlos e Fahel, que defenderam a equipe em 2010, serão titulares do time baiano. Jobson não joga

Um esperado reencontro para a torcida do Botafogo não acontecerá neste domingo. Por força de contrato , o atacante Jobson , que pertence ao clube carioca, mas está emprestado ao Bahia , não poderá entrar em campo para enfrentar o clube onde se projetou para o futebol nacional. Porém, contra a equipe de Renê Simões, outros dois jogadores ‘renegados’ no Botafogo tentarão dar a volta por cima: o volante Fahel e o lateral-direito Jancarlos .

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

O primeiro nunca foi unanimidade entre a torcida, apesar de ser admirado por técnicos e dirigentes pelo comprometimento dentro e fora de campo , e de ter atuado em mais de 100 partida pelo Botafogo. Em maio deste ano, Fahel acertou a rescisão de contrato com o time carioca e assinou com o Bahia , sendo titular em todos os jogos do novo time no Brasileirão e tornando-se peça fundamental no esquema do técnico René Simões.

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e convide seus amigos

O lateral-direito Jancarlos viveu situação oposta. Foi contratado no início de 2010, mas disputou apenas seis partidas com a camisa do Botafogo. Emprestado ao Bahia no meio do ano passado, o jogador atuou em 12 partidas pela série B, mas sofreu uma grave lesão no joelho e ficou mais de seis meses parado, recuperando-se em General Severiano. Em janeiro deste ano, acertou rescisão de contrato com o Botafogo e voltou para o Bahia em definitivo, assumindo a titularidade no tricolor.

Jobson tem sido o destaque do Bahia no campeonato, mas não poderá enfrentar o Botafogo
Gazeta Press
Jobson tem sido o destaque do Bahia no campeonato, mas não poderá enfrentar o Botafogo


Porém, dos ex-botafoguenses, o que inspiraria mais atenção da equipe carioca não poderá atuar . Ao deixar o Atlético-MG, em março deste ano, apenas quatro meses após ser emprestado, Jobson tentou retornar ao Botafogo, mas o departamento de futebol vetou , alegando que o jogador ainda não havia apresentado mudança no comportamento. Irritado, o atacante reclamou da decisão, mas acertou contrato com o Bahia e tem sido o destaque da equipe neste torneio.

O técnico Caio Júnior mostrou alivio com o desfalque de Jobson na partida contra o Bahia. “Acho que o Jobson é um jogador que desequilibra. Por tudo que falam dentro do Botafogo do aspecto técnico dele, a velocidade, é um jogador que um dia com certeza deve voltar ao time. Vai ser um alivio se ele não puder jogar”, disse o treinador do Botafogo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.