Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Botafogo leva sufoco, mas vence o Nova Iguaçu pela Taça Rio

Equipe venceu por 1 a 0, mas foi pressionada durante boa parte da partida, sendo vaiada por sua torcida

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

O roteiro se repetiu mais uma vez no Botafogo. Assim como no último sábado, quando abriu vantagem de dois gols sobre o Volta Redonda e acabou complicando a partida antes de confirmar a vitória, o time comandado por Joel Santana voltou a sofrer, mas conseguiu vencer o Nova Iguaçu por 1 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

O único gol da partida foi marcado pelo meia Everton, que anotou seu primeiro tento com a camisa da equipe de General Severiano. Sem Renato Cajá, liberado para negociar com uma equipe chinesa, o Botafogo sofreu para criar jogadas ofensivas e foi pressionado durante praticamente metade do primeiro tempo e quase toda segunda etapa, mas conseguiu segurar o placar. Apesar da vitória, os jogadores deixaram o campo sob vaias e o técnico Joel Santana foi novamente xingado por alguns torcedores.

Com a vitória, o Botafogo chega aos seis pontos e lidera o grupo B da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. Já o Nova Iguaçu permanece sem pontuar, na lanterna do grupo A. Na próxima rodada o Botafogo recebe o Americano, no sábado, às 18h30, no estádio Engenhão. Já o Nova Iguaçu visita o Macaé no próximo domingo, às 17h, no estádio Cláudio Moacyr de Azevedo, pela terceira rodada da Taça Rio.

O Jogo
O técnico Joel Santana precisou mudar a equipe que venceu o Volta Redonda, no último sábado, pela estreia na Taça Rio. O meia Renato Cajá foi liberado pela diretoria para negociar com um clube chinês e nem foi relacionado para a partida. Assim, o uruguaio Arévalo recebeu uma chance entre os titulares, com Bruno Tiago sendo adiantado para ajudar Everton na armação das jogadas.

Gazeta Press
O técnico Joel Santana voltou a ver seu time ser criticado pela torcida
Na zaga, João Filipe foi escalado para substituir Antônio Carlos, que sofreu uma lesão na última partida. No ataque, Loco Abreu se recuperou de uma lesão no nervo ciático e voltou a formar a dupla de ataque com o argentino Herrera.

O Botafogo começou pressionando, principalmente pela direita, com o lateral Lucas, e com os passes do meia Everton. Aos oito minutos, primeira jogada de perigo da equipe comandada por Joel Santana. Após cobrança de escanteio, Loco Abreu escorou de cabeça para o meio da área e Herrera, livre, chutou por cima do gol.

Se esteve muito perto de abrir o placar com Herrera, um minuto depois, o Botafogo conseguiu marcar o primeiro gol da partida. Lucas recebeu bom passe, avançou pela direita e cruzou para a área. O zagueiro Leonardo Luiz cortou o cruzamento para a entrada da área e o meia Everton chegou batendo de primeira, no canto esquerdo do goleiro Diogo Silva, marcando seu primeiro gol com a camisa do Botafogo.

Após abrir o placar, o time de General Severiano diminuiu o ritmo e permitiu que o Nova Iguaçu ameaçasse mais. Aos 14 minutos, Dieguinho recebeu na entrada da área e soltou a bomba de perna direita, exigindo linda defesa do goleiro Jefferson. Com o passar do tempo, o Nova Iguaçu passou a dominar a posse de bola, mas não conseguia criar chances de perigo. Assim, o Botafogo foi para o vestiário com a vantagem mínima no placar.

Na saída para o intervalo, o meia Everton reconheceu que a equipe se retraiu após marcar o primeiro gol. “Fizemos o primeiro gol e acabamos diminuindo o ritmo na partida. Temos que voltar para o segundo tempo buscando o segundo gol para matar a partida.

Nova Iguaçu pressiona
As duas equipes voltaram sem alterações para a segunda etapa. Porém, logo no primeiro minuto, o Nova Iguaçu deixou claro que iria pressionar em busca do gol de empate. Marquinhos recebeu ótimo lançamento na esquerda, cruzou para o meio da área e William chegou batendo de primeira, mas a bola acabou subindo um pouco, raspando o travessão.

nullO Botafogo apenas marcava e assistia o Nova Iguaçu atacar e perder gols. Aos 12 minutos, um lance incrível. Bruno Cortês invadiu a área pela esquerda e cruzou para Maycon, que praticamente dentro do gol, chutou a bola no travessão. Na sobra, William bateu de primeira, levando perigo ao gol de Jefferson
Xingado por alguns torcedores localizados atrás do banco de reservas, o técnico Joel Santana se irritou e chegou a discutir por alguns minutos. Depois da parada técnica, o treinador do Botafogo tentou dar mais velocidade ao time com a entrada de Caio no lugar do zagueiro João Filipe. Apesar da mudança, o Nova Iguaçu continuou pressionando mais. Aos 24 minutos, Bruno Cortês foi até a linha de fundo e cruzou para Maycon, que antecipou o goleiro Jefferson e cabeceou, fazendo a bola raspar a trave.

No final da partida, o Botafogo ainda teve que segurar a equipe da baixada fluminense com um jogador a menos. Após ter realizado as três substituições, o time de Joel Santana perdeu o meia Bruno Tiago, que sofreu uma lesão muscular na coxa e não pode continuar em campo nos últimos sete minutos da partida. A equipe conseguiu segurar o placar e sair com a vitória, mas não escapou das vaias da torcida, que não gostou da atuação do time.

FICHA TÉCNICA - NOVA IGUAÇU 0 X 1 BOTAFOGO

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda-RJ
Data: 9 de março de 2011, quarta-feira
Horário: 17h (horário de Brasília)
Árbitro: Carlos Eduardo Braga (RJ)
Assistentes: Leonan Berute (RJ) e Flávio da Silva (RJ)
Cartões amarelos: Alex Moraes, Amaral (Nova Iguaçu) Everton, Márcio Azevedo, Alessandro, Jefferson, Márcio Rosário (Botafogo)
Cartão vermelho: Alex Moraes (Nova Iguaçu)

GOL:
Botafogo
- Everton, aos nove minutos do primeiro tempo

NOVA IGUAÇU: Diogo; Paulo Henrique (Mossoró), Leonardo Luiz, Alex Moraes e Bruno Cortês; Amaral (Lukian), Luan, Marquinhos (Uallace) e Dieguinho; Maycon e William
Técnico: Josué Teixeira

BOTAFOGO: Jéfferson; Lucas (Alessandro), João Fillipe (Caio), Márcio Rosário e Márcio Azevedo; Rodrigo Mancha, Arévalo, Bruno Tiago e Everton (Guilherme); Herrera e Loco Abreu
Técnico: Joel Santana

Leia tudo sobre: botafogocampeonato carioca 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG