Técnico Caio Júnior admite que sucesso nas últimas rodadas chama atenção e prevê time mais marcado

Seis vitórias nos últimos oito jogos, diminuição da diferença para o líder Corinthians de 12 para três pontos e vitórias sobre dois rivais estaduais com boas atuações. O Botafogo terminou o segundo turno entrando na briga pelo título do Campeonato Brasileiro e o técnico Caio Júnior já começou a preparar o terreno para a mudança de status da equipe no torneio. Tudo com um objetivo bastante simples: não deixar o aproveitamento das últimas rodadas cair.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Um dos primeiros sinais aconteceu na última terça-feira, véspera da partida contra o Palmeiras . Durante 45 minutos, o consultor Evandro Motta e o treinador realizaram uma palestra na sede de General Severiano aos jogadores e membros da comissão técnica. Entre os assuntos, a manutenção da meta de conquistar 60% dos pontos no segundo turno, a visibilidade que o time conquistou e as novas dificuldades que irá enfrentar por estar disputando o título brasileiro.

Entre para a Torcida Virtual do Botafogo e convide seus amigos

"Tive essa experiência no Paraná, quando o time não chamava atenção até verem que ele estava disputando os primeiros lugares. É outro tipo de trabalho. Tivemos uma reunião nesta terça-feira onde fizemos um balanço do primeiro turno, metas para o segundo e trabalhamos essa questão do time ficar 'conhecido'. A equipe está mais visada pela mídia, torcida e adversários. Notamos nos últimos jogos marcações especificas em alguns jogadores, mas queremos estar lá em cima, brigar pelas primeiras posições", declarou o treinador do Botafogo.

O crescimento do Botafogo também coincide com a chega de reforços. Elkeson e Renato foram contratados com o campeonato em andamento. Loco Abreu e Herrera receber punições e perder várias rodadas, além do uruguaio ter sido convocado para a disputa da Copa América. Para Loco Abreu, um dos motivos para que o time carioca assuste mais os adversários que no começo do ano é a filosofia de jogo e o esquema tático, que foi entendido pelos jogadores.

"A gente disse no começo do trabalho com o Caio, que precisava de tempo. Não é magia, teríamos que ter horas de trabalho, horas de treinamento para que os jogadores entendessem a mentalidade. Todo mundo sabe como jogamos agora, mas a gente joga bem e está muito entrosado. Independente de quem está em campo, continua a mesma linha. A sequência é legal, mas passa mais pela mentalidade de acreditar em nosso jogo, em ter a posse de bola e jogar", analisou Loco Abreu.

Prova dessa mudança no Botafogo é a possibilidade da equipe assumir a liderança do Campeonato Brasileiro nesta quarta-feira. Para isso, o time carioca precisa de uma vitória sobre o Palmeiras, no estádio Engenhão, às 21h50, e torcer por tropeços de Corinthians, Flamengo, São Paulo e Vasco. O Botafogo tem 34 pontos, na quinta colocação, enquanto o Corinthians tem 37 e lidera.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.