Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Botafogo enfrenta Santos reserva em busca da primeira vitória

Equipe carioca terá a estreia do meia Elkeson, enquanto time santista usará reservas novamente

Renan Rodrigues e Samir Carvalho, iG Rio de Janeiro |

A partida entre Botafogo e Santos, marcada para este sábado, às 18h30, no estádio Engenhão, tem pesos bem diferentes para as duas equipes. Enquanto o Botafogo começou o Campeonato Brasileiro sob a desconfiança de sua torcida, perdendo para o Palmeiras por 1 a 0 na estreia, o Santos segue com o pensamento na Copa Libertadores e mais uma vez usará a equipe reserva.

Apesar da derrota na primeira rodada, o Botafogo teve uma semana de boas notícias, que deixaram o técnico Caio Júnior otimista para o confronto. A equipe carioca conseguiu confirmar a contratação do meia Elkeson, que estava no Vitória, e do volante Renato, que defendia o Sevilla, da Espanha, além de estar perto de anunciar o zagueiro Adaílton, ex-Santos e que atualmente defende o Sion, da Suíça.

Apesar de admitir que o Santos é uma equipe perigosa, mesmo atuando com os reservas, o técnico Caio Júnior mostra confiança para que o Botafogo possa conquistar os primeiros pontos no Campeonato Brasileiro.

"Eu, se fosse o Muricy, faria o mesmo, focaria na semifinal da Libertadores. Mas não sei se é melhor enfrentar os titulares ou os reservas. O futebol é muito dinâmico. A equipe deles é muito rápida e empatou com o Internacional, um dos favoritos ao título. É um jogo bem perigoso no qual temos uma responsabilidade muito grande. Mas estou confiante, a qualquer momento vamos engrenar, espero que seja agora", declara o treinador.

O Botafogo deve ter quatro alterações na equipe que estreou com derrota para o Palmeiras. No ataque, Caio dará lugar ao jovem Alex. Quem também volta ao time titular é o meia Everton, que ganhou a posição de Arévalo, que está com a seleção do Uruguai. Assim, Lucas Zen volta a ser escalado como volante, com Cortês retornando para a lateral-esquerda. A outra novidade é a entrada do meia Elkeson, contratado na última quarta-feira e que já foi regularizado, na vaga de Thiago Galhardo.

Outro reforço estará no banco de reservas. Após cumprir suspensão imposta pelo Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), o técnico Caio Júnior, que ficou fora do banco de reservas na estreia da equipe, comandará a equipe na beira do gramado do Engenhão. O desfalque fica por conta do lateral-direito Lucas, que deixou o treino de sexta-feira com dores na coxa e está vetado. Alessandro será o substituto do jogador.

Divulgação
Maikon Leite é uma das dúvidas de Muricy
Focado na Copa Libertadores da América, o Santos não jogará com a equipe titular para o duelo contra o Botafogo. Como atuará contra o Cerro Porteño na próxima quarta-feira, no Paraguai, pelo jogo de volta das semifinais da competição continental, o técnico Muricy Ramalho repetirá a estratégia da estreia no Brasileiro, diante do Internacional, e escalará mais uma vez a equipe reserva.

“Se fosse domingo, eu até pensaria em escalar o time titular, porque tenho que pensar no Brasileiro. Vou perder jogadores para a seleção principal (Copa América) e de base (Mundial sub 20). E não posso deixar de somar pontos. Mas como o jogo é sábado, fica difícil”, disse Muricy.

Em relação ao time B que empatou por 1 a 1 com o Internacional, Muricy deve fazer duas mudanças. O treinador comandou dois treinamentos antes do jogo contra o Botafogo, e promoveu as entradas de Alan Patrick e Roger nas vagas de Felipe Anderson e Pará, respectivamente. Outra dúvida do treinador é no ataque, entre Maikon Leite e Tiago Alves.

Apesar de escalar três zagueiros – Bruno Aguiar, Bruno Rodrigo e Vinicius Simon – de origem na equipe, o Santos atuou no esquema 4-4-2 contra o Internacional, com Aguiar atuando como lateral-direito.

FICHA TÉCNICA - BOTAFOGO X SANTOS

Local: Estádio Olímpico João Havelange, o 'Engenhão', no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 28/05/2011, Sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Roberto Braatz (Fifa-PR) e Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA) 

BOTAFOGO: Jefferson; Alessandro, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos, Lucas Zen, Everton e Maicosuel; Elkeson e Alex
Técnico: Caio Júnior

SANTOS: Aranha; Bruno Aguiar, Bruno Rodrigo, Vinícius e Alex Sandro; Charles, Possebon, Roger (Pará) e Alan Patrick; Maikon Leite (Tiago Alves) e Keirrison
Técnico: Muricy Ramalho

Leia tudo sobre: botafogosantosbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG