Clubes disputaram o atacante Ciro, ex-Sport, e o meia Elkeson, ex-Vitória. Gilberto pode ser novo alvo

Não são raros os momentos em que a rivalidade clubistica deixa as arquibancadas e é protagonizado por dirigentes das equipes. As trocas de farpas entre o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, e cartolas do São Paulo , por exemplo, se tornaram praticamente rotineiras na imprensa. Se em determinadas situações a ‘rixa’ é pública e evidente, em outas, é velada e acontece nos bastidores sem que torcedores tomem conhecimento.

Foi com a segunda opção que Fluminense e Botafogo entraram numa disputa por jogadores nos últimos meses. Primeiro, o zagueiro Márcio Rosário, que foi punido no Botafogo por reclamar do banco de reservas no Twitter, acertou a rescisão com o clube de General Severiano e deve assinar com o Fluminense nos próximos dias.

A segunda disputa foi pelo atacante Ciro . O Botafogo tentou trazer o atacante do Sport, oferecendo um valor em dinheiro, além de jogadores para empréstimo, mas foi recusado pelo clube pernambucano. Já o rival, propondo uma quantia parecida em dinheiro e cedendo o atacante Willians, conseguiu convencer a diretoria do Sport e o jogador deve ser apresentado oficialmente nos próximos dias no Fluminense.

A resposta do Botafogo veio na contratação do meia Elkeson . Os rivais cariocas disputaram o jogador durante semanas, até o último momento . Dirigentes do Fluminense acusaram o Botafogo de ter ‘atravessado’ no negócio. O gerente das categorias de base do Flu, Fernando Simone, que estava tocando a negociação, chegou a dizer que o Botafogo estava chateado, supostamente por ter perdido o atacante Ciro.

“Não vou fazer leilão, não vou entrar nessa vagabundagem. O Botafogo está querendo atravessar porque deve estar chateadinho, sei lá por qual motivo. Fomos os primeiros a fazer contato com o clube e o jogador. O Vitória autorizou negociarmos com o Elkeson. E foi o que fizemos”, declarou o cartola.

Na apresentação de Elkeson, na última quarta-feira, o presidente do Botafogo minimizou a disputa por jogadores, mas destacou que a postura competitiva do clube nas negociações pode estar incomodando outras equipes.

“Com relação a disputa por jogadores com time A, B ou C, isso é algo normal, uma coisa do mercado da bola. Mas as pessoas se assustaram porque acharam que o Botafogo não ia avançar nesta negociação. Deem uma olhada nessa negociação, como ela foi feita. Teve gente que desistiu na metade do caminho, mas nós fomos subindo degrau por degrau”, destacou Assumpção.

Como resposta, a torcida do Fluminense criou uma campanha na internet pedindo a contratação do meia Gilberto, atualmente no Cruzeiro e um antigo sonho do Botafogo. O assunto entrou nos Trend Topics, temas mais comentados do Twitter no Rio de Janeiro. O jogador já declarou algumas vezes que é torcedor do Fluminense e perder o jogador que tentou contratar por mais de dois meses seria uma grande derrota para a diretoria do Botafogo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.