“Não poderia ter perdido”, disse o atacante, que marcou dois gols e assumiu a artilharia da competição

null

Apesar de marcar dois gols na partida e assumir a artilharia isolada do Campeonato Brasileiro, com dez gols, o atacante Borges deixou o campo assumindo a responsabilidade da derrota do Santos de virada para o Coritiba por 3 a 2 nesta quarta-feira , na Vila Belmiro, em jogo válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e convide seus amigos

Borges assumiu a responsabilidade do resultado devido o pênalti perdido aos 25 minutos do segundo tempo. A partida estava empatada por 2 a 2 quando Neymar foi derrubado por Emerson dentro da área. Na cobrança, o centroavante cobrou no canto esquerdo de Edson Bastos, que fez uma grande defesa.

“Poderia ter sido feliz no pênalti, ter feito 3 a 2. Eu não poderia ter perdido o pênalti. Eu assumo a responsabilidade da derrota”, afirmou Borges.

Siga o Twitter do iG Santos e receba as notícias do time em tempo real

O pênalti de Borges foi o segundo desperdiçado pelo Santos no Brasileiro. Antes do camisa 9, Elano perdeu a cobrança na derrota para o Flamengo por 5 a 4, também de virada na Vila Belmiro. Na ocasião, o camisa 8 utilizou a “cavadinha” e jogou a bola nas mãos do goleiro Felipe.

Após a derrota para o Coritiba, o Santos voltou para a zona de rebaixamento. A equipe santista caiu para a 17ª colocação, com 15 pontos ganhos. Na próxima rodada, os santistas enfrentam o Bahia, no próximo domingo, em Salvador.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.