Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Bolicenho descarta desespero do Atlético Paranaense

Diretor de futebol mantém otimismo, embora o time não dependa mais apenas de si mesmo para terminar em quarto lugar e talvez chegar à Libertadores

Gazeta Esportiva |

A derrota para o Grêmio, na antepenúltima rodada do Campeonato Brasileiro, tirou o Atlético Paranaense do G4 e complicou a vida do time na luta por uma vaga na Libertadores da América. O time caiu para a quinta colocação e terá uma missão complicada, além de pouco tempo, para recuperar sua posição na reta final da competição.

O diretor de futebol Ocimar Bolicenho promete que mesmo com só duas rodadas pela frente, a tranquilidade permanece na Baixada, assim como a esperança de conseguir a vaga. "No Atlético não há desespero. Nós temos ainda as duas últimas rodadas e vamos atrás dos resultados para terminarmos a competição classificados para a Libertadores da América", garantiu.

O rubro-negro, no entanto, já não depende mais somente de suas forças. Além de torcer contra os brasileiros na Copa Sul-Americana, ainda precisa fazer sua parte e secar o Grêmio. No final de semana, encara o Ceará, no Estádio Castelão, na capital cearense e encerra sua participação na Arena da Baixada, no domingo seguinte, diante do Avaí.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG