Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Bola de Ouro em 1967, húngaro Florián Albert morre

Ex-jogador participou das Copas do Mundo de 1962, quando foi um dos artilheiros ao lado de Garrincha, e 1966. Causa não foi revelada

AE |

selo

O húngaro Florián Albert, que foi premiado com a Bola de Ouro em 1967, dada ao melhor jogador do futebol europeu, morreu nesta segunda-feira. O ex-jogador tinha 70 anos. O Ferencvaros, da Hungria defendido pelo atacante, explicou que a morte aconteceu nesta manhã.

A causa da morte não foi revelada, mas Albert havia realizado uma cirurgia cardíaca na última semana. Albert jogou 537 partidas pelo Ferencvaros, com 383 gols marcados e quatro títulos nacionais conquistados. Em 2007, o clube deu o nome do ex-jogador ao seu estádio. 

Ele também jogou 75 vezes pela seleção da Hungria, com 31 gols feitos. Albert participou das Copas do Mundo de 1962 e 1966. Em 1962, ele foi um dos artilheiros do torneio, ao lado de Garrincha, Vavá, Leonel Sánchez, Jerkovic e Ivanov, além de ter sido escolhido a revelação do torneio. Em 1960, faturou a medalha de bronze no torneio de futebol das Olimpíadas.

Leia tudo sobre: hungriafutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG