Argentinos estudam oferecer Battaglia por Guinazu. A tarefa é convencer o jogador a deixar La Bombonera

O Boca Juniors não poupa esforços para contratar o volante Guiñazu, do Internacional. Para isso, cogita ceder um dos jogadores mais antigos do plantel: o também volante Sebastián Battaglia.

Sem dinheiro para fazer contratações, o clube argentino ainda assim tenta reforçar o plantel, e o nome de Guiñazu agrada os dirigentes e o técnico Julio César Falcioni. Os mandatários do Boca cogitaram a hipótese de oferecer o volante Battaglia ao Inter para tentar viabilizar a negociação. O problema é o próprio Battaglia, que não pretende deixar “La Bombonera”.

“Ele rejeitou em junho uma boa oferta dos Estados Unidos. Agradecemos o interesse de outros clubes, mas acho difícil que ele saia”, disse Martín Guastadisegno, empresário do jogador.

O volante de 30 anos joga desde 1998 no time principal do Boca, ausentando-se apenas entre 2004 e 2005, quando atuou pelo Villarreal, da Espanha. Battaglia acumula 17 títulos pelo clube argentino, incluindo 4 conquistas da Libertadores (2000, 2001, 2003 e 2007) e 2 Mundiais (2000 e 2003).

O Inter tem a intenção de ouvir as ofertas por Guiñazu, especialmente do futebol do exterior, pois assim não reforçaria um clube brasileiro. Quando estava com o time gaúcho em Abu Dhabi para a disputa do Mundial de Clubes, o volante admitiu que estava disposto a ouvir a oferta do Boca Juniors.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.