Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Bobô chega ao Cruzeiro para manter fama de artilheiro

Atacante marcou muitos gols na Turquia e não teme pressão de voltar a defender um grande clube brasileiro

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Divulgação
Bobô chega ao Cruzeiro depois de boa passagem pelo futebol turco
O Cruzeiro apresentou na tarde dessa quinta-feira seu mais novo "matador". Bobô, ex-Corinthians, está de volta ao futebol brasileiro depois de cinco anos no futebol turco. O jogador andou em dia com as redes enquanto defendeu o Besiktas e agora espera continuar fazendo o que sabe: gols.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time

Bobô explicou o motivo de seu retorno ao futebol brasileiro. "Pouco antes de acabar a temporada na Turquia resolvi voltar. Saí da Turquia para procurar um novo ambiente. Tive algumas propostas de Portugal, outras coisas na Europa. Hoje em dia o futebol brasileiro está muito atraente. Estava sentindo saudades de atuar no Brasil. Assistia muito ao Campeonato Brasileiro lá. Com a proposta do Cruzeiro resolvi voltar", disse o atacante.

Entre para a Torcida Virtual do Cruzeiro e convide seus amigos

Jogando na Turquia, Bobô se tornou o jogador estrangeiro que mais marcou gols com a camisa do Besiktas (96 gols entre 2006 e 2011). "Atacante vive de gols. Na Turquia não era diferente. Clube grande e a torcida cobrava bastante também. Todo atacante depende de gol para sobreviver. Espero que aqui eu possa continuar marcando meus gols", ressaltou.

O atacante revelou que recebeu boas referências do meia Alex, ídolo da torcida azul e que atua no Fenerbahce, e do atacante Márcio Nobre, também campeão da Tríplice Coroa em 2003.  "Não só ele (Alex), mas também o Márcio Nobre que jogou aqui e no Besiktas. Só falaram coisas boas da cidade, falaram do CT, da toricda. Só me passaram referências boas", completou.

Bobô revelou que o acerto com o Cruzeiro deixou sua mãe, Cristina, que torce para o time mineiro, muito satisfeita. "Falei com ela depois que estava tudo certo e ela ficou muito feliz. Ontem (quarta-feira) ela me ligou para saber como estava e depois que dei a notícia, ela ficou feliz. Depois que começar jogar e começar a marcar gols então, ela vai ficar ainda mais feliz", brincou o jogador.

O diretor de futebol do Cruzeiro, Dimas Fonseca, elogiou o atacante. "Com a saída do Thiago Ribeiro, tivemos a oportunidade de contratar um jogador do quilate do Bobô. Tenho certeza que ele irá suprir essa carência no ataque", disse o dirigente cruzeirense.

Leia tudo sobre: CruzeiroBrasileirão 2011Bobô

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG