Os gols da vitória mineira foram anotados pelo zagueiro Thiago Carvalho, e pelo armador Carlos Magno

O Boa Esporte não decepcionou a torcida que compareceu no estádio Dilzon Melo, em Varginha, nesta sexta-feira, e conquistou uma excelente vitória contra o Grêmio Barueri por 2 a 0. Com o resultado, o caçula da Série B , chegou a 11 pontos e passa a brigar por uma vaga no G4. Os gols da vitória foram anotados pelo zagueiro Thiago Carvalho, e pelo armador Carlos Magno.

O técnico Nedo Xavier optou por alterar o time do Boa Esporte com relação a equipe que na rodada passada empatou sem gols contra o Criciúma. Dessa forma, o lateral-esquerdo Magalhães ganhou a posição de Júlio César Santos e Marco Antônio entrou no ataque ao lado de Paulo Roberto. No Grêmio-SP, a entrada do zagueiro Daniel Marques na vaga de Douglas foi a única mudança do técnico Sérgio Soares, em comparação com o jogo anterior.

Na próxima rodada da série B, o Boa Esporte vai visitar o Goiás, na terça-feira, que vem no estádio Serra Dourada, em Goiânia. Já o Grêmio-SP, volta a atuar fora de casa e vai medir forças contra o Americana, no Décio Vitta, também na próxima terça-feira.

O jogo
Jogando em casa, o Boa Esporte não queria dar sopa para o azar, e logo aos quatro minutos, Carlos Magno cobrou falta pela esquerda e o zagueiro Thiago Carvalho desviou de cabeça, abrindo o placar em Varginha. O gol do time mineiro obrigou os paulistas a avançarem as linhas de marcação, tornando a partida equilibrada, mas com o Boa levando um pouco mais de perigo.

Aos 11, o volante Claudinei bobeou e perdeu uma bola na entrada da área proporcionando chance de gol para o Grêmio-SP, mas a zaga mineira conseguiu se recuperar no lance aliviando o perigo. Como estratégia para frear o ímpeto da equipe de Barueri, o Boa procurou diminuir os espaços no campo defensivo, tornando o jogo lento por vários minutos.

Aos 21, Alex Maranhão cobrou falta que assustou o goleiro Luiz Henrique, mas a bola passou sobre a meta da equipe do Sul de Minas. Aos 28, depois de contra-ataque rápido do Boa Esporte, o atacante Marco Antônio recebeu excelente assistência e bateu cruzado, de primeira, carimbando a trave de Juninho.

Após os 30 minutos, o Grêmio-SP passou a pressionar a equipe mineira, que levava perigo nas jogadas de contra-ataque. Dessa forma, o time de Varginha chegou aos 33, depois que Marco Antônio ganhou na velocidade do marcador e soltou um petardo da entrada da área, obrigando o arqueiro Juninho a fazer grande defesa. Aos 39, novamente Marco Antônio, que incomodava bastante, teve outra chance de ampliar o placar, mas o goleiro salvou o time paulista.

A etapa complementar começou da mesma forma que terminou o primeiro tempo, ou seja, com o Grêmio-SP atacando mais e o time da casa explorando os contra-ataques. Aos cinco minutos, o habilidoso Carlos Magno aproveitou bobeada da defesa paulista, e na saída do goleiro Juninho deu um toque de classe por cobertura, para fazer o segundo gol do Boa Esporte na partida.

Apesar do maior volume de jogo do Grêmio-SP, o Boa foi mais eficiente em toda a partida, com os atacantes com a pontaria muito mais calibrada que a do time visitante, que teve as principais jogadas ofensivas em lances de bola parada. Aos 28, a tarefa do Boa Esporte foi facilitada com a expulsão do volante Anselmo. Com vantagem numérica e também no placar, a equipe do Sul de Minas passou a administrar a partida até o apito final.

FICHA TÉCNICA
BOA ESPORTE 2 X 0 GRÊMIO-SP

Local : Estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG)
Data: 24 de junho de 2011 (sexta-feira)
Horário : 21h (horário de Brasília)
Árbitro : Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Assistentes : Wendel de Paiva Gouveia (RJ) e Andrea Marcelino de Sá (RJ)
Cartões amarelos : (Boa Esporte) Thiago Carvalho (Grêmio-SP) Rafael Tesser e Ademir Sopa Cartão vermelho : (Grêmio-SP) Anselmo

G OLS : BOA ESPORTE: Thiago Carvalho, aos quatro minutos do primeiro tempo, e Carlos Magno, aos cinco minutos do segundo tempo.

BOA ESPORTE : Luiz Henrique; Jackson, Thiago Carvalho, Carciano e Magalhães (Júlio César); Claudinei, Olívio, Carlos Magno (Maranhão) e Vinícius Hess; Marco Antônio e Paulo Roberto (Marclei)
Técnico : Nedo Xavier

GRÊMIO-SP : Juninho; Rafael Tesser, Alex Lima, Daniel Marques e Zé Carlos (Juan); Anselmo, Bebeto, Alex Maranhão (Saldanha) e Ademir Sopa; Marcelinho e Pedrão (Léo Gamalho)
Técnico: Sergio Soares

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.